Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

AUJ inicia oficialização da Comissão de Vigilância de Antropozoonoses

DA REDAÇÃO | 21/01/2019 | 13:28

Em reunião no Paço Municipal de Jundiaí, na última quinta-feira (17), representantes dos sete municípios que fazem parte da Aglomeração Urbana de Jundiaí (AUJ) – Jundiaí, Cabreúva, Campo Limpo Paulista, Itupeva, Jarinu, Louveira e Várzea Paulista -, discutiram a oficialização da Comissão de Vigilância de Antropozoonoses (doença primária de animais e que pode ser transmitida aos humanos). O objetivo é fortalecer os trabalhos dos municípios de forma conjunta, potencializando os resultados. A partir do encontro, será elaborado plano de atuação e estabelecido cronograma para a capacitação permanente dos técnicos e o pleito encaminhado para a próxima reunião executiva do AUJ.

Segundo o gerente da Unidade de Vigilância de Zoonoses (UVZ) de Jundiaí, Carlos Ozahata, o combate eficiente às doenças acontece de forma conjunta e segue as orientações do Plano de Desenvolvimento Urbano Integrado (PDUI). “O trabalho integrado facilitará os bons resultados com a padronização dos procedimentos ma vigilância dessas doenças transmitidas entre homens e animais. Como exemplo, podemos citar as arboviroses. A região ainda está em situação tranquila, mas o ano terá mais registros de arboviroses que no ano anterior, por isso é necessário que todos estejam alinhados para combater os mosquitos Aedes aegypti”, comenta o gerente, lembrando que o grupo não tratará somente de dengue, zika, chikungunya e a febre amarela. Ozahata lembra que a comissão já atua há três anos com reuniões e capacitações.

De acordo com a diretora de Vigilância em Saúde da Unidade de Gestão de Promoção da Saúde (UGPS), Fauzia Abou Abbas, a troca de experiências entre os participantes será fundamental para o sucesso do grupo. “Cada técnico tem um conhecimento a acrescentar e compartilhar. A partir de agora serão estabelecidos planos e cronogramas de trabalho para que todos estejam alinhados”, afirma.

Para o Assessor Especial da Aglomeração Urbana de Jundiaí (AUJ), da Unidade de Gestão da Casa Civil, Wagner Facchini de Bortolo, a formatação do grupo favorecerá outras ações. “A partir da comissão será possível estabelecer uma brigada para auxílio mútuo, com o apoio das Guardas Municipais e das Defesas Civis, para o controle e combate rápido às necessidades”, detalha. Outro ponto importante é o fortalecimento do grupo em pleitos de verbas para o setor, já que tratam de interesses comuns a vários municípios.

Reunião AUJ

Reunião AUJ


Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/auj-inicia-oficializacao-da-comissao-de-vigilancia-de-antropozoonoses/
Desenvolvido por CIJUN