Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

AVA pretende produzir 100 mil litros de vinho em 2019

VINICIUS SCARTON | 17/01/2019 | 05:00

O presidente da Cooperativa de Produtores de Vinho (AVA), Amarildo Martins definiu como meta principal para 2019, a produção de 100 mil litros de vinho em Jundiaí. Segundo Martins, a perspectiva para o ano é grande. “Estamos realizando o cultivo de uvas finas, por meio de novas técnicas, através da produção da poda invertida, que será colhida nos meses de junho e julho, proporcionando uvas mais doces e gerando vinhos melhores”, destaca.

O presidente da AVA afirma que os investimentos também passam por divulgações e participações em feiras e eventos, como por exemplo, a Festa da Uva de Jundiaí. “Eventos como este ajudam a impulsionar o nosso trabalho pela quantidade de visitantes locais, da região e também do exterior”, descreve. Todos os cooperados da AVA estarão na Festa da Uva de Jundiaí, que começa nesta quinta-feira (17), segundo Martins. “Eles estarão em estandes individuais, expondo e comercializando seus produtos”, confirma.

O vinho jundiaiense está crescendo e ganhando espaço no mercado regional e também na grande São Paulo. “Em 2018, tivemos uma evolução sensível na produção e comercialização do produto, atingindo a marca de 10% de crescimento, comparado a 2017, alavancado pela expansão de consumo do espumante de uva niagara, produzido em nossa região e bastante procurado após a liberação do seu registro”, diz.

Em 2017, a produção atingiu a marca de 65 mil litros de vinho. “Em 2018, a Cooperativa produziu cerca de 80 mil litros da bebida. Foi um ano positivo para a cadeia vitis vinifera (espécie de videira)”, explica. Para o gestor da Unidade de Agronegócio, Abastecimento e Turismo de Jundiaí (UGATT), Eduardo Alvarez, o vinho de Jundiaí se consolidou no mercado.

A cidade possui 24 adegas e o turismo impulsionou a melhora da qualidade do produto, por meio de uma repleta variedade. “Para 2019, a UGATT segue trabalhando com as rotas de turismo, instalando totens e placas para facilitar o deslocamento dos visitantes. Além disso, seguimos organizando roteiros e atendendo demandas”, relata.

Entre as ações para melhorar a qualidade do vinho promovido em Jundiaí, Alvarez ressalta uma ação promovida pela UGATT no ano passado. “Nós trouxemos um técnico italiano para aplicar um curso de uvas viníferas”, recorda. Já para 2019, Alvarez conta que será concluída a indicação geográfica da uva niagara Rosada de Jundiaí. “Com isso, a cidade terá um selo de qualidade, agregando valor à fruta produzida por aqui”, diz.

Rui Carlos

Rui Carlos


Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/ava-pretende-produzir-100-mil-litros-de-vinho-em-2019/
Desenvolvido por CIJUN