Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Brinquedos educativos e livros são alternativas para o dia 12

VINICIUS SCARTON | 09/10/2018 | 06:01

Aprendendo e brincando. Com esse lema, diversos pais pretendem presentear seus filhos neste dia 12 de outubro, Dia das Crianças. O servidor público Romulo Duarte, de 27 anos, esteve na tarde de ontem no Maxi Shopping com os filhos Romeu, de 5 anos, e Bernardo, de 3, para conferir algumas opções de livros. “Acho muito interessante incentivar o gosto pela leitura desde cedo. Além disso, eles podem colorir e formar o quebra-cabeça, trabalhando raciocínio e o seu desenvolvimento”, comenta.

A professora Adriana Maria Silva, de 36 anos, presenteará as filhas com brinquedos educativos. “Para a caçula, de apenas um ano, vou comprar uma montanha russa de madeira, que trabalha o raciocínio através do caminho de sua preferência. Para a mais velha, de 4 anos, vou adquirir um brinquedo conhecido como crec-crec de comidinha”, afirma. Já a aposentada Vera Lúcia Pereira, de 66 anos, tem cinco netos e todos gostam de interagir. “Portanto, neste Dia das Crianças eles serão presenteados com brinquedos educativos, tanto de encaixar, quanto para montar. Além de joguinhos de palavras e livros de histórias”, resume.

NO COMÉRCIO

]Claudia Roberta Vendrami, que atua como gerente de uma loja de brinquedos educativos em Jundiaí, ressalta que a procura por presentes aumentou nos últimos dias. “Neste ano, em comparação com 2017, estimo um aumento de 15% nas vendas em relação ao mesmo período do ano passado”, calcula. Nessa loja, as opções são variadas, de livros e fantoches até brinquedos que trabalham a matemática e a leitura. “Temos opções a partir de R$ 1,99”, destaca.

Em uma livraria do Maxi Shopping, a vendedora Fatima Rezende explica que o movimento também aumentou nos últimos dias, em virtude da proximadade do Dia das Crianças. “A procura este ano superou nossas expectativas. Tanto que estimamos um crescimento que ultrapassa os 50% em relação ao mesmo período do ano passado, oferecendo diversos tipos de livros educativos, a partir de R$ 5, com opções para colorir, de personagens, interativos, de textura, com som, entre outros”, afirma.

Comércio está otimista com a data

Pesquisa realizada pelo Sincomercio Jundiaí e Região aponta uma expectativa de vendas entre 5% e 10% maior neste Dia das Crianças, em relação ao mesmo período do ano passado. Nesta quarta (10) e quinta (11), véspera do feriado, o comércio de rua pode optar por abrir até as 22h. De acordo com Edison Maltoni, presidente do Sincomercio e da CDL, a data é muito relevante para o comércio e percebe-se aumento nas vendas justamente pelo apelo emocional que a ocasião representa.

A busca pelo presente das crianças é frequente, principalmente nesta data comemorativa. Segundo nossa pesquisa, o valor do presente ficará, em média, entre R$ 50 e R$ 100”, revela. A pesquisa informal feita com comerciantes também aponta que 71,1% dos empresários varejistas têm boas expectativas de vendas para a data. Em relação ao Natal, 63,2% mantêm boa expectativa, enquanto 36,8% relatam ótimas expectativas.

Foto: Rui Carlos

Foto: Rui Carlos


Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/brinquedos-educativos-e-livros-sao-alternativas-para-o-dia-12/
Desenvolvido por CIJUN