Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Câmara aprova projeto sobre empreendedorismo

ISABELA CRISTÓFARO | 03/04/2019 | 05:00

Na 97ª da Câmara de Jundiaí, realizada ontem (2), foi aprovado o projeto de lei de autoria do vereador Cristiano Lopes (PSD) que institui a Campanha de Fomento ao Empreendedorismo e à Inovação. Segundo o autor, foi uma iniciativa do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Ciesp) para, além de fomentar, informar e dar oportunidades àqueles que desejam empreender em alguma área.
“Nosso objetivo é criar ações moldadas a quem empreender e ajudar, junto com a Ala Jovem da Ciesp, o desenvolvimento de projetos”, disse o vereador.
Representando a Ciesp Jundiaí, Vinícius Ribas, diretor do Núcleo Jovens Empreendedores da Ciesp, avalia o projeto como importante, devido a constantes transformações. “O projeto já foi discutido em muitas cidades aqui do estado e, com o projeto, temos como principal objetivo capacitar e acompanhar as mudanças do mercado de trabalho”, afirma.
Ainda completa que a abrangência não se restringirá somente a Jundiaí, mas outras onze cidades, dentre elas Cajamar, Cabreúva, Itatiba, Itupeva, Campo Limpo, Várzea Paulista, Vinhedo, Morungaba, Jarinu e Louveira. Quanto a sua execução, Vinícius fala que o tema será trabalhado em escolas e também instituições de ensino superiores.
Antes da aprovação do projeto, houve outra proposta que causou polêmica e foi adiada para a sessão do dia 14 de abril. De autoria dos vereadores Leandro Palmarini (PV) e Paulo Sérgio Martins (PPS), o primeiro item da pauta estava relacionada a permissão de entrada de animais de estimação em estabelecimentos do Sistema Único de Saúde (SUS). Em plenário os vereadores discutiram e conseguiram expor opiniões sobre o projeto. A maioria avaliou a pauta como boa, mas que não se sentia segura em votar o projeto do jeito que estava, principalmente por não haver especificações de qual tipo de animal de estimação seria levado para os locais de abrangência do Sistema Único de Saúde. Presente na sessão, a psicóloga hospitalar do São Vicente, Ana Luiza Verone, diz que a eficácia do tratamento com animais é comprovada e que a atividade seria em prol dos pacientes que estão na área dos cuidados paliativos do hospital. No entanto, outro fator que gerou discussão se relacionou a questões de higiene e saúde do animal, bem como a infraestrutura para recebê-los.

T_abre


Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/camara-aprova-projeto-sobre-empreendedorismo/
Desenvolvido por CIJUN