Jundiaí

Caminhada pela Conscientização sobre a Paralisia Cerebral na av. 9 de Julho


passeata
Crédito: Reprodução/Internet
Dia 6 de outubro é o Dia Mundial de Conscientização sobre a Paralisia Cerebral. Mais de 60 países se unem em prol da campanha, que com slogan “Estamos Aqui”, busca dar visibilidade às pessoas com paralisia cerebral, lutando pelos seus direitos e pela conquista de espaço na sociedade. Em Jundiaí, um a passeata foi realizada na avenida 9 de Julho na manhã domingo (6) e atraiu um ótimo número de pessoas, que usaram roupas verdes em homenagem à causa. Cerca de 200 pessoas passaram pela avenida durante toda a manhã. Esta data visa desmistificar alguns preconceitos relacionados com a paralisia cerebral (PC) e mostrar à sociedade os problemas e desafios que sofrem diariamente as pessoas, bem como suas famílias, com essa perturbação que acontece em função de uma lesão no cérebro que ocorre, em período precoce, ao longo do seu desenvolvimento (mais ou menos até o 2 anos de idade). A paralisia cerebral (PC) é a doença motora mais frequente nas crianças e assume diferentes tipos de gravidade de pessoa para pessoa. Em cada 1000 crianças que nascem, 2 podem sofrer de PC. Em Portugal cerca de 15 mil pessoas vivem com esse tipo de paralisia, registando-se vários novos casos por ano. O deputado estadual Alexandre Pereira, participou do movimento e ressaltou a importância e o apoio a essa ação. "Tenho conhecido o trabalho de muitas instituições e profissionais que atuam para oferecer inclusão para pessoas com deficiências. É essencial a união do Governo, ONGs e toda a sociedade para construirmos uma sociedade que proporcione oportunidades para todos."

Notícias relevantes: