Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

CARNÊS DE IPTU COMEÇAM A CHEGAR NAS RESIDÊNCIAS

SIMONE DE OLIVEIRA | 01/02/2019 | 09:00

Quem não optou por receber a parcelas do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) de Jundiaí por meio eletrônico, em Jundiaí, começou a receber em casa. O carnê com as parcelas já chegam às residências com pagamento a partir do 25 de fevereiro, seja cota única ou parcelamento.
Segundo a Unidade de Gestão de Governo e Finanças (UGGF), neste ano foi oferecido dois meios de recebimento do lançamento de IPTU. Aqueles que optaram pelo recebimento por e-mail (formalizaram o cadastro no site da prefeitura até 10 de dezembro 2018) receberam o carnê do IPTU eletrônico na primeira semana de janeiro. Aqueles que não fizeram esta opção receberão o carnê (em até 10 parcelas) pelos correios até o dia 17 de fevereiro.
Os contribuintes cujo endereço não há entrega pelos Correios podem obter o carnê pela internet, pelo site da Prefeitura ou, a partir do dia 18 de fevereiro, pessoalmente no Poupatempo em Jundiaí.
No início do ano, a Companhia de Informática de Jundiaí (Cijun) enviou por e-mail 4.632 carnês de IPTU do exercício de 2019 àqueles que optaram pela facilidade de receber o imposto por meio eletrônico.
De acordo com a UGGF, o serviço online é uma tendência em todas as esferas do governo e Jundiaí inovou com esta facilidade, e ainda com a opção do pagamento online para correntistas do Santander, Bradesco e Itaú.
Independente de como irá receber, o contribuinte poderá optar pelo pagamento à vista do tributo, com desconto de 5%, até o dia 25 de fevereiro. Quem pagar à vista até o dia 25 de março terá 4% de desconto e, quem optar pelo pagamento em parcela única até o dia 25 de abril terá 3% de desconto. Para quem decidir parcelar em até 10 vezes, o vencimento da primeira parcela será no dia 25 de fevereiro.
Jundiaí conta com 170 mil contribuintes e a estimativa para este ano é arrecadar R$ 180 milhões, conforme consta da Lei Orçamentária Anual (Lei 9.118/18). Todas as informações sobre as receitas estão disponíveis no Portal da Transparência. Do total da arrecadação, do IPTU, no mínimo 15% devem ser aplicados na Educação e, 15%, no mínimo, na manutenção dos serviços de saúde. Jundiaí aplica mais do que está definido na Constituição.
Vale ressaltar que o cadastro para recebimento online pode ser feito a qualquer momento, mas quem o fizer agora passará a contar com a facilidade somente no exercício de 2020. O cadastro pode ser feito no link https://jundiai.sp.gov.br/ser…/lancamento-eletronico-do-iptu

carne-iptu


Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/carnes-de-iptu-comecam-a-chegar-nas-residencias/
Desenvolvido por CIJUN