Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

GCM descarta possibilidade de mais corpos em ‘cemitério clandestino’

Fabio Estevam | 09/08/2019 | 11:10

A equipe de canil da Guarda Civil Metropolitana de São Paulo descartou hoje (9) a possibilidade de haver mais corpos enterrados em um terreno baldio às margens de um córrego afluente do Rio Jundiaí, no bairro Engordadouro.

Três cães farejadores, especializados na localização de cadáveres,  foram utilizados durante os trabalhos, mas não identificaram indícios contundentes. Apesar de a área ter sido queimada recentemente, o que dificulta o trabalho dos cães, o inspetor Sérgio, da GCM, não acredita que o terreno tenha sido mexido propositalmente.

“Inicialmente desconfiamos de que os criminosos poderiam ter retornado ao local para colocar fogo propositalmente, na tentativa de dificultar o faro dos cães,  o que prejudicaria nosso trabalho, porém posso dizer com 99% de certeza de que não há mais corpos aqui”.

Os cães vasculharam o terreno já nas primeiras horas da manhã. No local, considerado um ‘cemitério clandestino’, trabalhadores de uma empresa encontraram na semana passada os cadáveres, porém os mesmos já foram identificados.


Leia mais sobre | |
Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/cemiterio-clandestino-caes-da-guarda-metropolitana-de-sao-paulo-chegam-a-jundiai/
Desenvolvido por CIJUN