Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

‘Cestas Verdes’ vão chegar a 650 pessoas no ano que vem

Da Redação | 14/12/2019 | 06:00

Desde dezembro do ano passado, a família da Juliana Moura, do Jardim São Camilo, conta com reforço importante para a alimentação da família. Por convite do Centro de Referência de Assistência Social (Cras) do bairro, ela faz parte do primeiro grupo do Banco de Alimentos e, há um ano, recebe as ‘cestas verdes’.

Esta é uma ajuda importante na alimentação da família, já que eu não trabalho fora para poder cuidar dos filhos. Meu marido é servente de pedreiro. Não se trata somente de uma contribuição, mas uma mudança de hábito. Cenoura, abobrinha e brócolis ninguém comia lá em casa, até que eu os introduzisse nas receitas. Agora são um sucesso”, conta.

Numa iniciativa da prefeitura,  o Banco de Alimentos foi lançado em dezembro do ano passado, em projeto-piloto no Cras São Camilo. Desde então, o grupo de 20 famílias beneficiárias cresceu ao longo do ano, chegando aos bairros Vista Alegre, Santa Gertrudes e Novo Horizonte, com impacto em cerca de 400 pessoas, de aproximadamente 100 famílias.

Segundo a gestora da Unidade de Gestão de Assistência e Desenvolvimento Social (UGADS) da Prefeitura, Nádia Taffarello Soares, a expectativa para 2020 é que o alcance da iniciativa chegue ao dobro. “Para o ano que vem a proposta é levar o Banco de Alimentos a todos os Cras do município.”

O Banco de Alimentos funciona  às quartas-feiras, quando são arrecadadas as doações dos produtores do Ceasa Jundiaí-ECAJ (Entreposto Central de Abastecimento Jundiaí) e de outros parceiros, como o Boa Supermercados e Empório Dom Olívio. Numa média semanal, as arrecadações ultrapassam a meia tonelada, entre verduras, frutas, legumes e ovos.  Os alimentos arrecadados são levados até a Fumas, que adequou as instalações de sua cozinha industrial para a pesagem, triagem, higienização e embalagem dos produtos.

Com as ‘Cestas Verdes’ montadas, a Fumas faz a entrega às quintas-feiras nos Cras, que se encarregam da distribuição às famílias.


Leia mais sobre | |
Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/cestas-verdes-vao-chegar-a-650-pessoas-no-ano-que-vem/
Desenvolvido por CIJUN