Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

COLUNA DO MARTINELLI: O momento pressupõe absoluta solidariedade

JOÃO CARLOS JOSÉ MARTINELLI | 22/03/2020 | 05:00

A solidariedade como propósito moral vincula o indivíduo à subsistência, aos interesses e às obrigações dum grupo social, duma nação ou da própria humanidade, fazendo com que ele partilhe construtivamente da vida do seu semelhante. Encerra assim, dois aspectos, ou seja, participação e ajuda: uma virtude que se subordina à disposição afetiva em relação a quem nos avizinha. Para Franz Kafka, ela “é o sentimento que melhor expressa o respeito pela dignidade humana”.

Numa época de pandemia internacional, não há como os padrões dominantes privilegiarem o ter em detrimento do ser. Faz-se necessário traçarmos um novo horizonte para o amanhã, com a asseveração de princípios básicos como a solidariedade, que integra a terceira geração dos direitos humanos. Por isso, imperioso que se multipliquem as ações sociais, comunitárias e gerais, visando colaborar em todos os sentidos para que o problema se amenize.

Todavia, isso só se tornará realidade quando, se dentro de nós mesmos, o individualismo for substituído pelo amor sincero ao próximo. Somente a solidez dessa conduta capacitará os indivíduos a resistir aos apelos fáceis e ao comodismo. E essa mesma firmeza é que cria o respeito e o entendimento entre as pessoas, sendo que o compromisso com o bem comum vai se traduzindo no esforço constante de se promover o ser humano.

O futuro, coletivo e individual, depende de esforços pessoais que se somam e começam a mudar pequenas questões para que estruturados em muito trabalho e nunca boa dose de renúncia, alcançar gradualmente, e o quanto antes, a consolidação de uma convivência afável, fraterna e igualitária, vencendo-se o corona vírus que hoje é um problema mundial e comum.

E mesmo porque, de acordo com a Constituição Federal do Brasil, constitui um dos objetivos primordiais da República Federativa do Brasil no âmbito interno, a construção de uma sociedade livre, justa e solidária.

JOÃO CARLOS JOSÉ MARTINELLI é advogado, jornalista, escritor e professor da Faculdade de Direito do Centro Universitário Padre Anchieta de Jundiaí. Ex-presidente das Academias Jundiaienses de Letras e de Letras Jurídicas (martinelliadv@hotmail.com)


Leia mais sobre
Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/coluna-do-martinelli-o-momento-pressupoe-absoluta-solidariedade/
Desenvolvido por CIJUN