Jundiaí

Com foco no Dia dos Pais lojistas investem em promoções

T_20200803_153411_HDR
Crédito: Reprodução/Internet
A proximidade da comemoração do Dia dos Pais, marcado para o próximo domingo (9, tem animado o setor comercial que espera uma crescente nas vendas esta semana. Para isto, algumas lojas do segmento aproveitam que os estoques ficaram parados para investir em promoções, em especial, de roupas de Inverno para que as mesmas não fiquem paradas nas vitrines. A vendedora de uma loja de vestuário, Rosângela Aparecida Varonez, diz que a reabertura foi marcada por uma liquidação. “Já reabrimos com liquidação porque precisamos pagar as contas. Também precisamos vender os produtos desta estação porque daqui a pouco chegam roupas de nova estação”, diz Rosângela. Segundo a vendedora, a expectativa é que esta semana as vendas sejam retomadas com força. “Estamos com muita expectativa até porque, nessa pandemia, é hora de presentear os pais, fazer um mimo, valorizar a família, acho que as vendas serão boas. Recuperar a gente não vai, mas pelo menos melhora agora”, diz ela. [caption id="attachment_98239" align="aligncenter" width="800"] Silvio de Camargo não faz liquidações, mas espera um bom Dia dos Pais[/caption] Por outro lado, o gerente de uma loja de vestuário, Silvio de Camargo, não fez liquidações de seus produtos, mas espera pelos clientes. “Não temos número expressivo de vendas ou uma previsão de quando terá promoção, mas geralmente é quando acaba o Inverno mesmo. O Dia dos Pais não vai ser no mesmo nível dos outros anos, não temos muita expectativa, mas deve ser melhor do que como está”, acredita. Para o gerente de uma loja de moda masculina, Roque Corazza Neto, a data tem grande impacto em suas vendas e espera que o saldo da data seja bom neste ano. “Já começamos as liquidações. Nos últimos anos nós não fizemos liquidação antes do Dia dos Pais. Neste ano fizemos uma série de liquidações na reabertura. Roupa de frio é o que mais está vendendo desde a reabertura. Percebo as pessoas mais conscientes. O grande fluxo começa sempre nos últimos dias que antecedem a data, mas vejo que as compras estão acontecendo desde a semana passada neste ano”. [caption id="attachment_98238" align="aligncenter" width="800"] Roque Corazza Neto faz liquidações de Inverno e já vê movimento do Dia dos Pais[/caption] Ele avalia que a mudança de fase permitiria que os horários das lojas fossem ampliados. “No Dia dos Pais temos um movimento marcante e não consigo imaginar como será no sábado. Temos o quadro de funcionários e o horário de funcionamento reduzidos. Acho que se estivéssemos na Fase Amarela daria para abrir das 8h às 18h, mas na Laranja é mais restrito”, conta ele sobre a véspera da data, que costuma ter mais gente comprando.

ENTIDADES

Para o presidente da Associação Comercial Empresarial (ACE) de Jundiaí, Mark William Ormenese Monteiro, o fechamento do comércio impactou a aquisição de mercadoria pelos estabelecimentos. “Muitas lojas estavam começando a receber as peças da coleção de Inverno 2020. Outros lojistas nem compraram a nova coleção porque ficaram com medo de arriscar e não vender.” Ele acredita que a liquidação é uma boa oportunidade para a queima do estoque que ficou parado nas prateleiras, agora com a classificação do município na Fase Laranja e a reabertura do comércio. “O cliente entra no estabelecimento por conta da liquidação e sempre acaba se interessando por alguma outra peça”, diz ele. Edison Maltoni, presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Jundiaí (CDL) e do Sindicato do Comércio Varejista de Jundiaí e Região (Sincomercio), diz que antecipar as liquidações vai alavancar as vendas. “Anúncios em vitrines, descontos e facilidades no pagamento estão entre as apostas dos lojistas para colocar dinheiro na caixa e diminuir o estoque da estação. Com a proximidade do Dia dos Pais, também é uma boa oportunidade para eles apostarem nas vendas de produtos específicos para o inverno.” Ainda sobre o Dia dos Pais, a expectativa do Sincomercio e da CDL para as vendas é positiva. Maltoni lembra que o Dia dos Pais é a primeira data comemorativa após o retorno de Jundiaí à Fase Laranja. “Acreditamos no aquecimento das vendas porque o consumidor não deixará de comprar, nem que seja uma lembrancinha. Por isso, é necessário que o lojista invista em ações para alavancar as vendas como promoções e facilidade para pagamento.”

Notícias relevantes: