Jundiaí

Coronavírus: Laboratório é credenciado para testes


paramentacao-medica-enfermeiros-hospital-sao-vicente_c_-13-1280x853-2
Crédito: Reprodução/Internet
A Prefeitura de Jundiaí anunciou, na tarde desta quarta-feira (8), que a cidade passa a contar com laboratório credenciado (AFIP) para a realização dos testes para o novo coronavírus. Com a habilitação, os pacientes com Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) internados pelo Hospital São Vicente de Paulo (HSV) terão a identificação da doença em prazo máximo de 7 dias úteis, menos da metade do prazo que vinha sendo aguardado quando as amostras eram encaminhadas para o Instituto Adolfo Lutz, em São Paulo. “Os exames são fundamentais para que a cidade não fique olhando os números pelo retrovisor. Além dos testes rápidos adquiridos, ainda teremos o exame PCR Real Time (Reação de Cadeia de Polimerase) para os pacientes internados no HSV. Esse era um obstáculo grande que conseguimos superar”, destaca o prefeito Luiz Fernando Machado. Para o gestor da Unidade de Gestão de Promoção da Saúde (UGPS), Tiago Texera, o avanço para o rastreamento da doença é o destaque. “Com o credenciamento teremos resolutividade e rastreabilidade. Como é sabido, a covid-19 não tem tratamento específico, mas as demais doenças respiratórias têm. É gestão eficiente e agilidade no diagnóstico”, destaca. Os exames serão colhidos (material de orofaringe) a partir do segundo dia de surgimento dos sintomas, sendo realizados para aqueles pacientes com diagnóstico prévio de SRAG. Segundo o superintendente do HSV, Matheus Gomes, a atividade impactará positivamente em vários aspectos. “A coleta proporcionará a eficiência nos recursos, podendo até reduzir o tempo de uso dos leitos de UTI”, argumenta.

Notícias relevantes: