Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Correios alega excesso de objetos postais por atraso em entregas

DA REDAÇÃO - redacao@jj.com.br | 01/03/2018 | 04:30

Depois da fala de um munícipe reforçando os constantes atrasos na entrega das correspondências pelo Correio no Vetor Oeste da cidade, na última terça-feira (27), na sessão da Câmara Municipal, o presidente da Casa, o vereador Gustavo Martinelli, protocolou uma moção de apelo aos Correios para a melhoria dos serviços em Jundiaí. Moções anteriores sobre o mesmo tema foram anexadas ao documento.

Foto: Rui Carlos/Jornal de Jundiaí

Foto: Rui Carlos/Jornal de Jundiaí

LEIA MAIS

Correios lotado: moradores de Jarinu ainda sofrem consequência de roubo à agência bancária

28 CEPs estão sem serviço de entrega em Jundiaí

O presidente do Conselho do Idoso, Milton Calzavarra, informa que por enquanto não recebeu reclamações pontuais de idosos nas questões de atrasos das correspondências, porém não descarta a ideia de acionar o Ministério Público caso haja uma denúncia formal sobre o caso. Já os Correios, por meio de sua assessoria de imprensa, informou que os atrasos nas localidades apontadas pela reportagem ocorrem devido à sobrecarga de objetos postais acima do dimensionado.

Para regularizar as entregas, a empresa realiza ações como serviço extraordinário, apoio de empregados de outras unidades e redistribuição da carga postal. A empresa permanece à disposição da população pelo Fale com os Correios no site ou pelo 0800 725 0100.


Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/correios-alega-excesso-de-objetos-postais-por-atraso-em-entregas/
Desenvolvido por CIJUN