Jundiaí

CPTM retoma programa com espaço de acolhimento

CPTM
Crédito: Reprodução/Internet
A Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) retomou o programa 'Em Movimento Por Elas', lançado em março deste ano em parceria com o Instituto Avon. O cronograma previsto desde março foi adiado por conta da pandemia, mas está sendo retomado com eventos e ações que visam criar e consolidar uma rede de proteção permanente para passageiras e colaboradoras. O programa consiste na formulação de políticas públicas no âmbito da companhia, criando uma rede de proteção às mulheres com base em implementação de projetos internos e externos que permitam o fortalecimento da autoestima, visibilidade para questões de gênero e combate à violência contra a mulher. As primeiras ações do programa já estão em pleno funcionamento. Na última segunda-feira foram inaugurados os sete Espaços Acolher. O objetivo é dar atendimento humanizado e com privacidade às vítimas violência ou importunação sexual nos trens e estações. As sete linhas receberam um novo espaço. entre elas, a Linha 7-Rubi (Vila Aurora). Entre setembro e dezembro serão inaugurados mais 20 novos espaços, em locais ainda não definidos. Desta forma, até o final do ano a CPTM terá 35 locais, ou seja, em um terço das suas estações. “Se uma mulher quiser a nossa ajuda ela poderá recebê-la em qualquer estação, mas se ela quiser um Espaço Acolher o objetivo é que ela tenha que se movimentar por apenas mais uma estação para ter um atendimento mais reservado”, explica Pedro Moro, presidente da CPTM.  “Isso mostra a importância de denunciar qualquer tipo de violência ou importunação sexual. A mulher é uma vítima e quando há a denúncia, os órgãos de segurança podem, de fato, tomar uma atitude para coibir esse crime. Para nós, é muito importante dar um fim a isso”, afirma Pedro Moro. Ainda este mês acontece nas estações, trens e redes sociais, uma nova campanha de combate a importunação sexual, com foco na importância das pessoas que presenciaram o ato testemunharem. O SOS Mulher, aplicativo desenvolvido pela Polícia Militar de São Paulo para auxiliar mulheres que já possuem medidas protetivas contra homens, também será amplamente divulgado pela empresa. Em agosto a CPTM também terá a confecção de um grafite artístico em homenagem à mulher e o Coral Nos Trilhos da Canção terá um clipe divulgado nas redes sociais para marcar o relançamento do programa Em Movimento por Elas.

Notícias relevantes: