Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Credi-Nino fecha as portas após 70 anos de funcionamento

COLABORAÇÃO DE MARIANA CHECONI | 26/03/2019 | 05:00

Uma das lojas de móveis mais tradicionais de Jundiaí, o Credi-Nino, anunciou em sua página no facebook, na noite da última sexta-feira (22), que irá encerrar as atividades. A loja completaria 70 anos de funcionamento no fim desse ano. Desde sábado a população fez fila em frente à loja, atraídos pelos produtos em liquidação.
De acordo com o proprietário Luciano Fabrício, há quatro gerações no comando da loja, a família não quer mais gerenciar um comércio tão grande e tradicional como esse. “Cansamos. Queremos aproveitar enquanto estamos todos com saúde. Não queremos trabalhar até o fim da vida e depois não usufruir dos frutos que o Credi-Nino nos trouxe”, afirma Luciano.
Outro fator que fez com que a família tomasse essa decisão está relacionado à novas contratações. “Um dos nossos principais diferenciais era o atendimento ao cliente. Estávamos tendo muita dificuldade em encontrar profissionais que atendessem bem”, revela o proprietário.
Desde o anúncio do fim das atividades, a loja fez uma oferta colocando todos os produtos com 50% de desconto. Desde sábado, a fila em frente ao local está enorme. “Não sei quantas pessoas passaram por aqui desde sábado mas, já vendemos praticamente tudo. Os móveis já foram todos. Só sobraram alguns itens de decoração como almofadas e quadros”, afirma Luciano.
Até a tarde de ontem (25), a fila continuava tomando a rua do Rosário, endereço da loja. William de Oliveira Azevedo estava no local com a esposa pois soube dos descontos. “Nós viemos aqui para ver o que sobrou. Quem sabe comprar alguma coisa pela metade do preço. Era uma loja muito conhecida em Jundiaí”, afirma.
Luciano conta o destino que o espaço vai ter. “Nós alugamos a área para uma empresa de roupas e calçados. Aqui é um ótimo lugar para um comércio como esse”, explica.
O Credi-Nino ainda permanecerá aberta por 70 dias mas, não para compras. “Nós ainda estaremos abertos para esclarecer quaisquer dúvidas que os clientes tenham. Caso algo quebre ou apresente algum defeito estaremos a disposição para não deixar os clientes desamparados”, afirma Luciano.

HISTÓRIA
O Credi-Nino é uma das empresas mais tradicionais da cidade de Jundiaí. Filho de imigrantes italianos, Tolmino Fabrício, o fundador, começou com uma pequena padaria na Vila Arens, na década de 1940. A partir daí, montou uma loja de eletroeletrônicos. Foi em 29 de dezembro de 1959 que surgiu a ideia de, além de eletroeletrônicos, acrescentar móveis e eletrodomésticos. Até então a loja se situava na rua Barão de Jundiaí. Só em 13 de novembro de 1969 transferiu-se para a rua do Rosário, 397.

FECHAMENTO DA LOJA CREDI NINO LUCIANO FABRICIO


Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/credi-nino-fecha-as-portas-apos-70-anos-de-funcionamento/
Desenvolvido por CIJUN