Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Cursos do Fundo Social de Jundiaí abrem possibilidades de renda na Páscoa

DA REDAÇÃO | 02/04/2019 | 14:10

Francesli Ferreira trabalha com a produção e venda de chocolates há um ano. Para esta Páscoa, muitas encomendas já estão em andamento e, em breve, adoçarão as casas de muitas famílias, em Jundiaí. Para agregar mais valor ao serviço oferecido, a dona de casa não perdeu tempo e garantiu uma vaga no workshop do Fundo Social de Solidariedade (FUNSS) que ensina a confeccionar embalagens personalizas em feltro. “A partir disso, poderei acrescer cerca de 48% no preço final. Estou muito empolgada com a possibilidade”, disse.

Apesar de ter finalizado, praticamente, todos os orçamentos de ovos de chocolate para este ano, a dona de casa não desanima. Ao contrário: já faz planos com o aprendizado. “Para os pedidos que precifiquei até agora, não poderei embutir este valor. Mas, as encomendas para o dia das mães e dos namorados, certamente, terão estes detalhes especiais”, almeja Francesli.

Reforçar a renda familiar também é o desejo de Gabriela Jéssica Neves Ferreira Bueno, de 26 anos. A jovem trabalha como manicure e pedicure, além de executar outros serviços de estética, em sua própria casa, no bairro Jardim Califórnia. O objetivo é, entre um atendimento e outro, confeccionar embalagens personalizadas: “Este é o meu primeiro curso na área de artesanato. Não sabia sequer colocar linha na agulha. Hoje, posso dizer que sei fazer os principais pontos e me orgulho disso”.

Ofélia Teixeira Barbosa, de 79 anos, quer mesmo é agradar a família nesta época de doces, mimos e momentos de união. Avó de 13 netos, a aposentada fez o workshop de ovos de Páscoa e, na sequência, participou da aula voltada às embalagens. “Tenho certeza de que todos gostarão do meu presentinho, que terá bombons sortidos”, contou a senhora, que garante economizar com a produção caseira.

Já a Érica Cristina Alves Dutra, do bairro Engordadouro, está de olho em ampliar o seu trabalho de artesanato. Ex-aluna do curso de bonecas do Fundo Social, a jovem investiu na compra de uma máquina de costura e, hoje, produz, aproximadamente, oito peças por mês. A ideia, agora, é também lucrar com a venda das embalagens personalizadas. “As pessoas adoram produtos feitos à mão e isso tem ajudado muito no orçamento da minha família. Em breve, quero montar meu próprio ateliê, em casa, para alavancar em produção e renda”, disse.

De acordo com a professora de artesanato, Alessandra Ferreira, as peças aprendidas em sala de aula possuem um custo de, no máximo, R$ 4. Depois de trabalhada, cada uma pode ser comercializada por valores que variam entre R$ 10 e R$ 15 reais. Elementos como apliques, pedras e rendas, por exemplo, acrescem ainda mais o preço final da embalagem: “São produtos que, certamente, irão compor a renda destes alunos. Por isso, em sala, abordamos desde o tratamento do feltro para que o tecido não fique com as chamadas bolinhas, cortes e pontos diferenciados, que atraem aos olhares e despertam a vontade de comprar”.

O workshop de Arte em Feltro, promovido pelo FUNSS, conta com três turmas diferentes. A realização foi possível graças a doação de material feita pela empresa Fuel Suplementos. “Além de gratuitos à população que reside em Jundiaí, todas as capacitações realizadas pelo Fundo Social por meio de parcerias com instituições de ensino e o setor privado. Uma forma de garantir a qualidade e o acesso à qualificação profissional sem onerar os cofres públicos”, explicou Vanessa Machado, presidente do Funss.

PMJ


Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/cursos-do-fundo-social-de-jundiai-abrem-possibilidades-de-renda-na-pascoa/
Desenvolvido por CIJUN