Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Dia da Bandeira é lembrado em ato

DA REDAÇÃO | 19/11/2019 | 19:32

O Dia da Bandeira, celebrado hoje (19), reuniu estudantes e representantes de forças de segurança e Guarda Municipal na Praça Monsenhor Doutor Arthur Ricci – Espaço Cívico MMDC/Heróis do Trem Blindado, na avenida 9 de Julho.

No final da manhã, uma solenidade contou com o hasteamento das três bandeiras – do Brasil, do Estado de São Paulo e de Jundiaí, feito por estudantes da Emeb Rotary Club e Escola Estadual Doutor Antenor Soares Gandra – e a incineração das bandeiras danificadas ou inservíveis, que é feita nesta data.

O prefeito Luiz Fernando Machado participou das celebrações, ao lado de outras autoridades, como o comandante do 49º Batalhão da Polícia Militar do Interior (BPMI), Eduardo Yasui; o tenente-coronel Eli Tavares, comandante do 19º Grupamento do Corpo de Bombeiros, a presidente do Conselho Comunitário de Segurança (Conseg) Leste, Andréa Bonamigo dos Santos, e integrantes da Guarda Municipal de Jundiaí.

“Agradecemos à segurança que vocês propiciam, e que torna Jundiaí uma das cidades mais seguras do País”, disse o prefeito.

Na ocasião, também foram incineradas, na pira da praça, as bandeiras inservíveis. A explicação foi dada pelo prefeito aos estudantes: “Uma bandeira jamais pode ser jogada no lixo, porque é um símbolo nacional. Por esse motivo, ela é incinerada e suas cinzas são enterradas”, disse.

O Dia da Bandeira é uma homenagem à bandeira brasileira, que foi criada logo após a Proclamação da República, em 15 de novembro de 1889. Assim, o Dia da Bandeira passou a ser comemorado somente após a Proclamação da República. Como a nova bandeira brasileira foi apresentada no dia 19 de novembro de 1889, essa data foi escolhida para a celebração.


Leia mais sobre
Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/dia-da-bandeira-e-lembrado-em-ato/
Desenvolvido por CIJUN