Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Escolas de Jundiaí investem em ações de solidariedade na Páscoa

ISABELA CRISTÓFARO | 20/03/2019 | 05:04

A Páscoa, comemorada este ano no dia 21 de abril, contém diversos símbolos. O mais famoso para as crianças é o ovo de chocolate, distribuído pelo coelho da Páscoa, e que já começa a movimentar o comércio com diversas opções e preços. Para os cristãos, a festa significa algo a mais, porque celebra a ressurreição de Jesus Cristo e, por isso, vai além de uma questão econômica ou mercadológica.
É sob essa perspectiva que uma escola de ensino infantil de Jundiaí, no bairro do Medeiros, aproveita a época para voltar seus olhares ao próximo, com o projeto Páscoa Solidária, no qual os alunos contribuem para mudar o dia de crianças carentes, a partir das doações de chocolates à instituições da cidade. “O sentido da Páscoa não é só o ovo de chocolate. Por isso, exploramos a importância da generosidade nessa época”, explica a pedagoga Ana Paula Mota Marques. Ela destaca o engajamento de todos os alunos e classifica o envolvimento dos pais como ‘incrível’. “No ano passado uma mãe mandou dez ovos. Fiquei emocionada. Um investimento alto, mas que representa a confiança na escola e no nosso projeto”, afirma Ana Paula.

Com o filho de 5 anos matriculado na escola e participante desse projeto, Ana Paula Palaro diz que ação é positiva, e que trabalha a solidariedade com o filho em casa. “Eu envolvo ele em todo processo, desde a escolha do chocolate até o embrulho para doação. O primeiro ano foi o mais difícil, porque ele teve dificuldade em entregar, queria ficar com o ovo. Fico feliz que a escola também trabalhe esse tema com as crianças”, opina a jornalista.

A preparação para doação envolve rodas de conversa com os alunos, por parte dos educadores, com relação à importância da solidariedade e o olhar para o próximo. “No começo as crianças questionavam e havia certa resistência, mas com o diálogo e explicação elas foram aceitando”, explica a pedagoga, sobre o respeito e o engajamento das crianças.

Mão na massa
Outra instituição de ensino de Jundiaí, que compreende desde o berçário até o ensino médio, também promove ações solidárias nessa época do ano. Durante a Páscoa, os alunos, a partir do sexto ano, dedicam-se à produção de bombons, ovos e pirulitos no contraturno escolar para instituições de caridade. No ano passado, o projeto “Oficina de Chocolate” ajudou 140 crianças.

“É algo muito significativo”, diz Ana Laura Saraiva Ladeira, coordenadora do projeto. “Vejo algo muito positivo, porque os alunos também desenvolvem várias habilidades como a responsabilidade, ajuda aos alunos mais novos e também trabalhar a questão da gratidão, amor e cuidado com o próximo”, afirma.

Gincana
Uma escola particular da Vila Arens também trabalha para que os alunos desenvolvam sensibilidade e um olhar mais solidário às instituições socais. Os discentes, nesse tempo de quaresma, identificam as necessidades dessas instituições, como produtos de higiene pessoal, limpeza e insumos como fraldas e luvas cirúrgicas. Por meio de uma gincana com os alunos, esses itens são angariados junto à população e doados.

Por meio de Núcleo de Formação Humana, os professores mantém contato direto com entidades e associações. “Cada série tem um vínculo específico com essas instituições, fazendo com que os alunos conheçam a fundo e desenvolvam esse olhar”, afirma José Augusto Neto, coordenador do Núcleo.

T_divina2


Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/escolas-de-jundiai-investem-em-acoes-de-solidariedade-na-pascoa/
Desenvolvido por CIJUN