Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Estupro de menor aumenta 47% em Jundiaí

BÁRBARA NÓBREGA MANGIERI | 24/01/2019 | 19:40

O número de crianças e adolescentes que sofreram abuso sexual cresceu 47% de 2017 para 2018 em Jundiaí. Os dados são da Secretaria de Segurança de São Paulo (SSP), que divulgou o balanço anual das ocorrências nesta quinta-feira (24). Ao longo de 2018, foram 66 casos de estupro de vulnerável (quando envolvem menores de 14 anos), comparados a 45 casos em 2017. A média é de seis novos casos a cada mês.

Em setembro, o caso de um homem de 47 anos acusado de abusar da própria filha, de 27 anos, desde que ela tinha 8, chocou a cidade. A vítima chegou a engravidar do próprio pai aos 16, mas sofreu um aborto espontâneo devido a uma infecção. Aos 18, ela engravidou novamente. Hoje, a criança fruto do abuso do próprio pai-avô tem sete anos. A pedido da Delegacia da Mulher, a Justiça decretou sua prisão por 30 anos.

Em reportagem anterior, especialistas afirmaram ao Jornal de Jundiaí que debater sexualidade nas escolas pode abrir um espaço seguro para que as crianças denunciem familiares agressores. As aulas abordam noções de consentimento, respeito e limites ao próprio corpo e o corpo do outro. Os casos de abuso sexual que não envolvem menores de idade também teve aumento significativo: em 2018, foram 30 casos, o dobro de ocorrências registradas em 2017 (15).

Outros crimes
Os roubos de carga também cresceram no ano passado, passando de 109 casos em 2017 para 128 em 2018, um aumento de 17%. Os demais crimes tiveram redução pouco significativa, exceto os roubos a pessoas, que diminuíram 33% (de 1625 para 1091 casos).

Foto: Jornal de Jundiaí

Foto: Jornal de Jundiaí


Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/estupro-de-menor-aumenta-47-em-jundiai/
Desenvolvido por CIJUN