Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Euforia marca primeiro contato com o inglês nas escolas municipais

DA REPORTAGEM LOCAL | 20/02/2019 | 05:03

Com apenas 4 anos, Antonella Passos Callegari, aluna da Emeb Amélia Lima Lopes, esbanja desenvoltura e simpatia quando questionada sobre o que achou da sua primeira aula de inglês, na tarde de ontem. “Foi muito legal. A professora contou a história da Superworm e nós cantamos uma música para ela”, disse, referindo-se à “Superminhoca”, uma heroína fictícia da história utilizada pela professora para entreter e ensinar os alunos.

Mais tímido, o colega Yan Assales Pereira, também de 4 anos, destacou a participação do seu herói preferido, o “Homem Aranha”, na história contada pela “teacher”. “Eu aprendi a falar ‘oi’ e ‘tchau’ em inglês hoje. A professora disse que vamos aprender cores e números também. Aprender inglês não é difícil quando tem super-heróis”, contou.

Antonella e Yan estão entre os cerca de 8 mil alunos dos grupos 4 e 5 que passaram a ter o ensino de inglês na grade curricular no ano passado, como parte do programa Escola Inovadora, que tem como um dos seus pilares a inovação do ensino oferecido no sistema municipal, conforme explica o prefeito Luiz Fernando Machado. “Nossa meta é preparar as nossas crianças para os desafios do futuro, que são cada vez maiores. Acreditamos no desenvolvimento da cidade por meio da educação e o ensino do inglês para todos os alunos da nossa rede é prova disso”, destacou.

A professora das crianças citadas, Bruna Rodrigues, explica que, neste primeiro momento, a ludicidade permeia as aulas, que contam sempre com músicas, desenhos e histórias, entre outras atividades. “O objetivo é despertar nos alunos, que ainda são muito pequenos, o interesse pelo idioma. Nesta idade a melhor forma de fazer isso é com atividades lúdicas. Eles absorvem muito rápido”, pontuou.

Durante a aula de ontem, por exemplo, em determinado momento da história, Bruna escondia um fantoche que representava a heroína e convidava os alunos a chama-la de volta cantando “Superworm, where are you?” (“Superminhoca, onde está você?). “Os alunos entenderam, mesmo sem eu ter falado antes, que o termo em inglês significava a pergunta “onde está você?” Eles aprendem muito rápido”, garante a professora.

A coordenadora pedagógica do Núcleo de Língua Inglesa da Unidade de Gestão da Educação, Adnan Fachini, destacou que a ludicidade no ensino proporciona um aprendizado natural. “Prova disso é o feedback que estamos recebendo dos pais. Há muitos relatos de crianças que chegam em suas casas e contam para toda a família o que aprendeu, mostrando que sabem o significado de várias coisas em inglês. São alunos que vão chegar melhor preparados no Ensino Fundamental”, ressaltou.

T_ingles2


Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/euforia-marca-primeiro-contato-com-o-ingles-nas-escolas-municipais/
Desenvolvido por CIJUN