Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Faculdade Medicina terá atendimento especial e coleta de assinatura

| 22/06/2014 | 00:10

O Dia Mundial de Combate ao Vitiligo (25 de junho) em Jundiaí contará com orientação e atendimento exclusivos aos pacientes da doença no Ambulatório de Especialidades da Faculdade de Medicina de Jundiaí (FMJ), das 16 às 20h.

A data, instituída em 2012 pela Vitiligo Research Foundation, também visa coletar 500 mil assinaturas, para sensibilizar os órgãos mundiais de saúde sobre a necessidade de maior investimento em pesquisas e tratamentos da doença. Os interessados em colaborar com a campanha da Secretaria Geral das Nações Unidas (SGNU) podem acessar o site www.25june.org. 

Estima-se que mais de 100 milhões de pessoas sofrem de vitiligo no mundo. “Vitiligo é uma doença não contagiosa, mas que causa muito preconceito, porque as manchas brancas ‘marcam’ a pessoa. Isso diminui a qualidade de vida do paciente, que sofre com a sua própria imagem e tem sua autoestimada prejudicada”, explica o médico dermatologista e professor da FMJ, Paulo Cunha. 

Ele, que é membro do Comitê Científico da referida Fundação e coordenador da ação local, defende que quanto maior a informação sobre a doença, melhor para a mudança de atitude em relação aos pacientes. “Uma das características da doença é a própria genética, ou seja, quase sempre tem um membro da família de primeiro grau que possui vitiligo. Mas ela também pode ser desencadeada pelo estresse. Daí a necessidade de se consultar um dermatologista para fazer o diagnóstico e iniciar o tratamento”, alerta.


Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/faculdade-medicina-tera-atendimento-especial-e-coleta-de-assinatura/
Desenvolvido por CIJUN