Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Férias diminuem procura por atendimento nas creches

VINICIUS SCARTON | 12/01/2019 | 05:03

O número de inscrições para o Atendimento Suplementar de Férias 2019 em Jundiaí sofreu uma redução de quase 3 vezes em relação ao ano passado. De acordo com a supervisora da Divisão de Apoio Administrativo de Educação de Infantil I (creche), Cintia Trombone, para 2019 foram efetuadas 290 inscrições e, em 2018, 780. Questionada sobre a redução, ela explica que a Unidade de Gestão de Educação desenvolveu um trabalho de conscientização junto às famílias. “Enfatizamos a importância da vivência das crianças em outros ambientes ao lado dos pais, brincando e viajando, diferente da rotina escolar”, explica.

A gestora de Educação de Jundiaí, Vasti Ferreira Marques explica a importância do trabalho realizado com as famílias.  Incentivamos os pais e responsáveis a optarem pelas férias ao mesmo tempo que seus filhos, o que explica essa diminuição neste tipo de atendimento”, comenta.

Mas nem todas as famílias conseguem esse benefício. E o empresário Roni Gomes Figueiredo, 35 anos, morador da Vila Nambi, recorreu ao atendimento para deixar o pequeno Gabriel Ignacio Figueiredo, de apenas 1 ano. Segundo ele, o projeto da Unidade de Gestão da Educação tem colaborado com a rotina familiar. “Eu e minha esposa trabalhamos e as dificuldades para encontrar alguém que pudesse cuidar do nosso filho neste período de férias eram grandes. Considero a iniciativa positiva e espero que tenha continuidade nos próximos anos”, ressalta Roni. Quanto a frequência deste ano, o Atendimento Suplementar de Férias atingiu a mesma média de 2018, com a presença diária de 180 crianças, de 4 meses a 5 anos de idade.

ATENDIMENTO
Cintia detalha que o projeto de férias funciona em quatro creches de Jundiaí: Emeb Antonio Brunholi Netto (Jd. Santa Rita de Cassia), Emeb Cleonice de Faria (Jd. Guanabara), Emeb Maria Aparecida Silva Congilio (Jd. Novo Horizonte) e Emeb Maria de Toledo Pontes (Centro). “Essas unidades foram escolhidas, devido a localização e proximidade com terminais de ônibus e vulnerabilidade social. Dentre as opções, às famílias tiveram a oportunidade de escolher em qual unidade às crianças iriam frequentar nestas férias até o dia 29 de janeiro”, afirma a supervisora.

O Atendimento Suplementar de Férias 2019 reúne 243 profissionais, entre professores, cozinheiros, agentes de desenvolvimento infantil, agentes operacionais, assistentes administrativos, diretores e supervisores. Segundo a coordenadora da Emeb Antonio Brunholi, no Jd. Santa Rita de Cassia, Fabiane Bolsari, o projeto tem por objetivo quebrar a rotina centralizada na aprendizagem, por meio de muita diversão.

“O atendimento acontece das 7h30 às 17 horas, num clima bem leve e repleto de brincadeiras, como: faz de conta, oficina mecânica, consultório médico, cantos com materiais não estruturados e com lego. Além do que, é servido o café da manhã (com leite e chocolate ou vitamina, pão com requeijão ou patê e bolo). Próximo às 10 horas, eles tomam o suco de fruta natural, às 11h30, é servido o almoço e no meio da tarde, mais um lanche”, descreve.

A agente de Desenvolvimento Infantil, Aline da Rosa Callera que atua na Emeb Antonio Brunholi conta como é lidar com as crianças neste período de férias. “A atuação é focada no melhor atendimento possível, por meio da interação entre às crianças, através de brincadeiras lúdicas”, diz.

Rui Carlos

Rui Carlos


Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/ferias-diminuem-procura-por-atendimento-nas-creches/
Desenvolvido por CIJUN