Jundiaí

Filho agride pai idoso por suspeita de abuso sexual contra o próprio neto em Jundiaí

sad child with his head between his legs left alone at home
Crédito: Reprodução/Internet
A Polícia Civil de Jundiaí investiga um caso em que um homem de 44 anos agrediu o pai, de 83, sob alegação de que seu genitor havia abusado sexualmente do próprio neto, de 12. O caso ocorreu no final de semana e foi atendido pela Guarda Municipal. Em comemoração ao Dia do Pais o agressor contou à Polícia que reuniu alguns amigos seus e de seus pais para um almoço na casa da família, sendo que seus genitores moram na casa principal e, e ele, seu filho e esposa moram em uma edícula no mesmo terreno. Quando os convidados já se divertiam, ele disse que foi até a casa da frente para fazer uso do banheiro, momento em que flagrou o pai acariciando as nádegas do garoto, que é seu neto. A princípio, para não estragar o evento e expor a situação, ele contou que não tomou providências sobre o ocorrido. Ao final da festa ele então foi até sua mãe, de 82 anos, para contar o que ele havia visto, considerando o fato de o pai ser pedófilo. Com a mãe descrente na suspeita e já diante do pai, que se aproximou, ele o questionou sobre o ocorrido. Ainda segundo o filho, o idoso olhou para ele com cara de deboche e se retirou, se trancou num quarto. Num acesso de fúria ele então passou a esmurra a porta até conseguir arrombá-la. Ao entrar no quarto, disse que foi agredido pelo pai e revidou com um soco, lhe causando um ferimento no rosto. Ainda em seu depoimento à delegada Renata Yumi Ono o agressor informou que já havia feito Boletim de Ocorrência noutra ocasião, também contra o pai, por supostamente ter abusado de seu filho, e que o garoto chegou a passar por acompanhamento psicológico. Em consulta no sistema, porém, a Polícia não encontrou nenhum registro de abertura de inquérito sobre a suposta denúncia informada por ele. A mãe do agressor, portanto esposa do acusado, também foi ouvida pela delegada, assim como duas pessoas que estiveram no evento. O garoto, contudo, não foi conduzido ao Plantão.

Notícias relevantes: