Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Hábitos refletem na qualidade de vida de mães e filhos

VINICIUS SCARTON | 15/07/2018 | 13:00

Bruna, o esposo Rodrigo e o filho Lucas, hoje com 12 anos são adeptos de corrida e frequentam o Bolão quatro vezes por semana. “Já a minha filha caçula Alice, de 8 anos gosta de ginástica artística”, diz. Sobre o exemplo, a decoradora afirmou que os filhos aprendem naturalmente ao observar os hábitos dos pais. Outra história de mudança de vida foi relatada pela atendente Janaina Borges Dias Cachetti, de 30 anos, que passou a ter uma alimentação mais saudável e a praticar esportes há três anos. “Eu segui o exemplo dos meus pais, que sempre se alimentaram bem e praticaram atividades físicas”, diz.

Segundo Janaina, anteriormente a sua alimentação era repleta de frituras, lanches e não fazia acompanhamento médico. “No entanto, a minha história começou ganhar novos capítulos quando passei a ser orientada por nutricionista, cardiologista e verificar a minha saúde, através de exames”, recorda. A atendente também é adepta de corridas de rua e afirma que os resultados positivos são alcançados a partir dos treinos, fortalecimento, alimentação e descanso para o corpo. “O exemplo do esporte e da alimentação são transmitidos para o meu esposo, Diego e meu filho Henrique, de 5 anos, que acompanha os meus treinos e provas. Além disto, a sua alimentação é regrada a base de grelhados, assados, frutas, legumes, verduras, bem longe das redes de fast food”, afirma. Para Janaina, a semente e o bom exemplo já foram plantados em seu filho. “No futuro ele poderá optar se deve ou não continuar no esporte e também com a alimentação regrada”, complementa.

CLIQUE AQUI E LEIA OUTRAS NOTÍCIAS SOBRE JUNDIAÍ

Alerta

O endocrinologista do Hospital São Vicente de Paulo, em Jundiaí, Caetano Munhoz de Domenico reforçou que mais da metade da população brasileira tem sobrepeso, ligado a origem de problemas crônicos de saúde e doenças cardiovasculares. Segundo ele, a única maneira de alterar o cenário é a mudança de hábitos. “Ninguém precisa ser atleta, mas também não pode ficar parado. Quanto à alimentação é importante evitar excessos de açúcar e gordura, sendo fundamental ingerir frutas e vegetais”, orienta.

Pedro, Alice ao lado da mãe Bruna frequentam o Complexo Esportivo Nicolino de Lucca, o Bolão, em Jundiaí, ao menos quatro vezes por semana | Foto: Rui Carlos

Pedro, Alice ao lado da mãe Bruna frequentam o Complexo Esportivo Nicolino de Lucca, o Bolão, em Jundiaí, ao menos quatro vezes por semana | Foto: Rui Carlos


Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/habitos-refletem-na-qualidade-de-vida-de-maes-e-filhos/
Desenvolvido por CIJUN