Jundiaí

Já são 300 roubos de carros em Jundiaí no ano

T_ASSALTO1
Crédito: Reprodução/Internet
O número de roubos em Jundiaí teve ligeiro aumento de ocorrências, em setembro, no comparativo com o mês de agosto, da acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP) de São Paulo. Foram registradas 112 ocorrências dessa natureza na cidade, ante 105 registros de agosto. O setor que apresentou maior número de roubos foi o de veículos, com 40. Está é a quarta alta seguida. Em junho, foram registradas 19 ocorrências, número que passou para 32 em julho, 36 em agosto e 40 agora, de acordo com os últimos dados. Ao todo, 300 veículos foram suprimidos de seus proprietários ao longo de 2019 (até setembro). Em todo o ano passado, esse número foi de 348. O número de furtos também teve leve crescimento. Saltou de 383 para 393 boletins de ocorrência. Ao todo, 3449 casos desta modalidade. Por outro lado, os casos de estupro mantiveram números iguais aos registrados em julho e agosto. Foram quatro ocorrências em cada mês. Em janeiro, para efeito de comparação, foram 13 casos. Nos três primeiros meses do ano 35 boletins foram lavrados com esta modalidade de crime. Registros de lesão corporal dolosa – aquela em que o indivíduo assume a intenção de praticar o ato - , tiveram queda em comparação com agosto. Foram 76 casos, ante 81 registrados no mês retrasado. O recorde de ocorrências foi registrado em fevereiro, em que 100 registros foram feitos nesta modalidade de crime. Ao todo, são 746 casos até agora. Dois casos de lesão corporal culposa – aquele em que não há intenção de dolo (casos de acidentes de trânsito) foram registrados em setembro. Apenas em um mês de 2019 (fevereiro) este número terminou zerado. No total, 25 boletins de ocorrência desta natureza foram registrados na cidade. Em 2018, até o mesmo período, eram 35. Homicídios diminuem Já o número de homicídios dolosos caiu de 5, em agosto, para 2, em setembro. Todos os meses a cidade registra casos como esse, nem que seja apenas um – o que ocorreu em janeiro, março e junho. Agosto registrou recorde de ocorrências no ano. O site da Secretaria de Segurança Pública para consulta completa é o ssp.sp.gov.br  

Notícias relevantes: