Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Jundiaí amplia ponto de wi-fi gratuitos pela cidade

DA REDAÇÃO | 01/11/2018 | 06:03

A operadora de telemarketing Graciele Carvalho, de 29 anos, usa bastante a internet pelo celular. Ela é moradora do Jardim São Camilo e diz que, enquanto espera o ônibus para o trabalho, uma de suas atividades preferidas é ler notícias e checar as suas redes sociais. Poder fazer isso de forma gratuita no bairro onde mora é um diferencial importante. “Me cadastrei no Conectado e gosto muito do serviço. Uso aqui no bairro, no trabalho, nos terminais de ônibus. Onde tem o sinal, meu celular se conecta automaticamente”, conta.

A jovem é apenas um dos 80 mil usuários cadastrados no Conectado, o wi-fi gratuito disponibilizado pela Cijun. Atualmente, o sinal está disponível em 39 pontos (no início de 2017 eram 30), com cerca de 18 mil pessoas conectadas por mês. “Além dos novos pontos, estamos modernizando a infraestrutura de locais onde o serviço já existia, como por exemplo os terminais de ônibus, mas com uma conexão via rádio. Estamos trocando tudo por fibra ótica, seguindo uma determinação do prefeito Luiz Fernando Machado de tornar Jundiaí uma cidade cada vez mais digital e conectada”, explica o diretor-presidente da Cijun, Amauri Marquezi.

O bairro onde Graciele vive desde que nasceu é um dos nove novos pontos onde o sinal foi disponibilizado recentemente, com cobertura quase total. No meio deste ano, a Cijun instalou uma antena de wi-fi no prédio onde está instalada a unidade básica de saúde, ampliando o alcance do sinal. “A rede de fibra ótica que chegava até a Emeb Deodato Janski foi estendida até a UBS e agora há poucas áreas de sombras no bairro. Temos wi-fi também na praça Waldemar Lopes”, aponta Marquezi.

Além do bairro na periferia da cidade, o sinal de wi-fi gratuito foi disponibilizado recentemente também na Praça Governador Pedro de Toledo, na Estação Juventude, na Incubadora de Empresas, no Solar do Barão e nos dois velórios municipais. “O contrato para instalação de mais 300 km de fibra ótica foi assinado e a empresa já começou o projeto. Com isso, mais espaços públicos terão internet gratuita nos próximos meses. A Praça do Coreto, no Centro, é um deles”, adianta o diretor.

A meta é concluir a instalação dos 300km de fibra ótica em 2019 e levar o Conectado para as 37 UBSs do município. Segundo Marquezi, a ideia é contemplar todos os públicos, desde os jovens da Estação Juventude e os empreendedores da Incubadora até quem frequenta a rede de saúde e a população em geral que vai ao Centro. “Vamos resolver o problema também de performance em alguns centros esportivos, que têm limite de conexão porque o sistema é via rádio”, finaliza. A ampliação do wi-fi gratuito no município integra o programa Campus Jundiaí, que cria “clusters” de inovação em vários pontos da cidade utilizando espaços públicos já existentes, como, por exemplo, os complexos Argos e Fepasa.

T_grawifi


Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/jundiai-amplia-ponto-de-wi-fi-gratuitos-pela-cidade/
Desenvolvido por CIJUN