Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Jundiaí confirma três óbitos por covid-19 nesta quarta (15)

DA REDAÇÃO | 15/07/2020 | 16:15

Jundiaí já registra 5.435 casos de coronavírus. Dentre esses, 246 não resistiram à doença. Na tarde desta quarta-feira (15), três novas vítimas tiveram seus óbitos confirmados. Foram uma mulher de 64 anos, portadora de doença cardiovascular crônica, um homem de 62 anos, portador de doença cardiovascular crônica e diabetes e uma mulher de 58 anos, portadora de doença cardiovascular crônica. Ambos internados no Hospital São Vicente de Paulo (HSV).

Além dos óbitos, 4.418 munícipes já se recuperaram da doença e 771 casos ainda estão em tratamento, o que equivale a uma taxa de recuperação de 81,29%.

Quanto aos leitos, na rede pública, há 76% de ocupação. Já na rede privada, esse índice é de 68%.

 

NA REGIÃO

Várzea Paulista registra 685 casos positivos, sendo 45 mortes e 430 recuperados.

Campo Limpo Paulista, por sua vez, possui 556 confirmações, sendo 38 mortes e 381 recuperados.

Louveira possui 336 contaminados pela doença. Dentre esses, 16 faleceram e 236 já se curaram.

Cabreúva está com 530 casos positivos. São 26 mortes e 260 recuperados.

Em Itupeva há 604 confirmados. São 20 mortes e 567 curados.

Jarinu registra 221 casos confirmados, sendo 16 óbitos e 199 recuperados.

 

NO ESTADO

O Estado de São Paulo registra nesta quarta-feira (15) 18.640 óbitos e 393.176 mil casos confirmados do novo coronavírus. Dos 645 municípios, houve pelo menos uma pessoa infectada em 636 cidades, sendo 418 com um ou mais óbitos.

Entre o total de casos diagnosticados de COVID-19, 246.941 pessoas estão recuperadas, sendo que 55.169 foram internadas e tiveram alta hospitalar. As taxas de ocupação dos leitos de UTI são de 65% na Grande São Paulo e 66,5% no Estado. O número de pacientes internados é de 14.698, sendo 8.777 em enfermaria e 5.921 em unidades de terapia intensiva, conforme dados das 10h30 da manhã de hoje.


Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/jundiai-confirma-tres-obitos-por-covid-19-nesta-quarta-15/
Desenvolvido por CIJUN