Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Jundiaí é grande campeã na 15ª Olimpíada de Redação

Da redação | 19/10/2019 | 16:16

A edição de 2019 da Olimpíada de Redação, promovida pela Biblioteca Municipal Professor Nelson Foot da Prefeitura de Jundiaí, além de bater recorde de inscrições com 3.823 textos, garantiu à cidade o título de grande campeã, com 20 dos 25 textos premiados de pessoas moradoras no Município. Além da entrega dos prêmios, o evento, realizado na noite de sexta-feira (18), no Parque da Uva, também contou com a apresentação do Coral Municipal de Jundiaí e contação de história com os atores Doroteia e Osório do ‘Quintal da Cultura’, Helena Ritto e Jonathan Faria.

Com o tema “O essencial é invisível aos olhos”, frase retirada do clássico da literatura “O Pequeno Príncipe”, de Antoine de Saint-Exupéry, a 15ª edição da Olimpíada de Redação contabilizou 60% dos participantes nas categorias Pré-mirim e Mirim. Para a gestora da Unidade de Gestão de Educação (UGE), Vasti Ferrari Marques, os números demonstram crescimento. “A Educação de Jundiaí está em busca da excelência, as pessoas estão reconhecendo e se colocando como protagonistas. A quantidade de crianças participantes demostra que o trabalho desenvolvido com a Escola Inovadora mostra seus resultados rapidamente”, explica.

Para o Prefeito Luiz Fernando Machado, presente ao evento, o estímulo à produção de texto e à leitura é objetivo final da seletiva. “Este é um evento aberto para todo o País, e ficamos satisfeitos em saber que 63 cidades de 12 estados tiveram representantes na competição de Jundiaí. A realização da Olimpíada tem por finalidade estimular a leitura e o talento de novos ou futuros escritores. A Escola Inovadora engloba todos esses significados”, comenta o prefeito, que se emocionou com a felicidade dos vencedores, principalmente de Catarina Beteli Queiroz, 11 anos, que desde os 7 anos busca a premiação, alcançada neste ano, em forma da primeira colocação na categoria Mirim.

A menina, que sonha em trabalhar em alguma profissão ligada às artes, vibrou e chorou ao receber o cheque de R$ 2,5 mil de premiação. “Estou muito feliz. Eu não esperava. Quando eu tinha 7 anos eu participei pela primeira vez e fiquei em nono lugar. Desde então, todos os anos eu participo. Desta vez fiquei em primeiro”, contou a estudante do Colégio São Vicente de Paulo.

Sabrina Aparecida da Silva dos Santos, estudante da Escola Municipal de Educação Básica (EMEB) Antonio Adelino Brandão, ficou com a segunda colocação com o bilhete escrito para o pai, Tiago Krieger. “Eu escrevi para o meu pai, contanto como meus olhos brilharam quando ele foi me buscar no abrigo”, explica a menina, que no texto, explica saber não ter o mesmo sangue, mas reconhece que está guardada na melhor parte do coração da família.

Segundo dados da diretora do Departamento de Fomento à Leitura e a Literatura da biblioteca, Camila Rosalem, do ano passado para este, o crescimento na participação nas categorias Pré-Mirim e Mirim foi de 20%. “A inclusão do gênero textual significativo (bilhete), e reescrita de conto com desfecho de autoria, além de temática atrativa como a gentiliza, a valorização da amizade, são pontos que inspiraram os participantes. Das 3.823 inscrições, 2.176 são de crianças”, comenta e diretora, salientando a importância do evento para o fomento à leitura e escrita.


Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/jundiai-e-grande-campea-na-15a-olimpiada-de-redacao/
Desenvolvido por CIJUN