Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Jundiaí possui 67,1% dos respiradores do AUJ

Kátia Appolinário | 19/06/2020 | 05:00

As sete cidades do Aglomerado Urbano de Jundiaí (AUJ) têm juntas 128 respiradores, 198 leitos de enfermaria e 85 leitos de UTI na rede pública de saúde para atendimento a pacientes com coronavírus. Entretanto, 67,1% dos respiradores, 54,5 % dos leitos de enfermagem e 100% de UTI estão em Jundiaí.

Jundiaí é um grande centro de apoio para as demais cidades, uma vez que nenhuma delas possui leitos de UTI. Por isso, 34% dos pacientes internados no Hospital São Vicente (enfermaria e UTI) provêm das cidades da região. Casos graves têm de ser transferidos para nossa cidade.

Após Jundiaí, Itupeva é a cidade com maior número de leitos de enfermagem, São 27 leitos exclusivos para pacientes com covid-19, sendo que apenas oito estão ocupados. Itupeva possui ainda 12 respiradores voltados para o tratamento dos casos mais graves.

Várzea Paulista, por sua vez, possui 26 leitos de enfermaria. O Hospital de Várzea Paulista contempla ainda dois leitos com respiradores, caso seja necessário atender pacientes acometidos pela covid-19. Além disso, a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) possui mais três respiradores, destinados para uso emergencial.

De acordo com os dados oficiais disponibilizados à Vigilância Epidemiológica de Várzea Paulista até o momento, a cidade já teve 149 munícipes internados, dos quais 21 permanecem em internação e acompanhamento, três dos quais com uso de respirador.

Campo Limpo Paulista possui 10 leitos de tratamento semi-intensivo, além de três leitos de retaguarda. A cidade possui ainda 16 leitos de enfermaria e 16 respiradores.

O secretário de Saúde de Campo Limpo Paulista, Sebastião Batista, ressalta que o município tem sido referência na região. “Estamos atendendo nossa população e também dando apoio a cidades vizinhas. Com nossas unidades semi-intensivas, mais nossos respiradores e demais equipamentos, temos estabilidade”, salienta.

Em Cabreúva, dos 11 leitos de enfermaria exclusivos para pacientes com suspeita da doença. Dentre esses, três estão ocupados. O município possui ainda nove leitos semi-intensivos de retaguarda com respiradores.

Assim como Cabreúva, Jarinu possui 11 leitos de enfermaria, sendo um em total isolamento. Há ainda um respirador que não está em utilização. Louveira não respondeu o questionamento até o final da edição.

ÓBITOS

Na última terça-feira (16), a cidade de Campinas bateu recorde de ocupação dos leitos de UTI, com 88% dos postos ocupados. O número corresponde a 280 dos 318 leitos ocupados. Nesta quinta-feira (18), o município registrou nove mortes, totalizando assim 194 falecimentos.

Em Jundiaí, cinco novas mo<CW11>rtes por covid-19 foram confirmadas na tarde desta quinta-feira (18) totalizando assim 138 óbitos pela doença. Já incluindo os óbitos, a cidade registra 2.477 casos confirmados.

As seis demais cidades do AUJ contabilizam 80 falecimentos: 25 em Várzea Paulista; 11 em Itupeva, 23 em Campo Limpo Paulista, cinco em Louveira, quatro em Cabreúva e 12 em Jarinu.


Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/jundiai-possui-671-dos-respiradores-do-auj/
Desenvolvido por CIJUN