Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Jundiaí tem 68 casos suspeitos de dengue apenas em janeiro

VINICIUS SCARTON | 02/02/2019 | 08:40

Segundo levantamento realizado pela Vigilância Epidemiológica de Jundiaí, órgão ligado à Unidade de Gestão de Promoção da Saúde, houve um aumento de 13% referente aos casos suspeitos de dengue em Jundiaí, na última semana.

O balanço levou em consideração que até o dia 24 de janeiro havia 60 casos suspeitos e no dia 1º de fevereiro, a quantidade subiu para 68. O levantamento também aponta 14 confirmações de dengue, sendo 11 autóctones e 3 importados.

Já com relação a chikungunya, Jundiaí contabiliza 2 casos suspeitos, ainda sem confirmação. Zika e febre amarela também não registraram casos suspeitos este ano. Para todas as doenças em questão, as ocorrências foram registradas nos bairros São Camilo, Jardim Paulista e Novo Horizonte.

PREVENÇÃO
A Unidade de Vigilância de Zoonoses ressalta que as formas de prevenção às arboviroses são, essencialmente, cuidados para eliminar os criadouros de mosquitos Aedes aegypti – vetor de transmissão da doenças – com o propósito de evitar a circulação por locais onde exista a transmissão das doenças.

Além disso, a Zoonoses salienta que a ocorrência de mosquitos durante o período diurno é um indicativo de que no local possa haver a circulação das arboviroses.

TRATAMENTO
Quanto ao tratamento, a Zoonoses explica que as arboviroses demandam cuidados sintomáticos, sendo necessário repouso e hidratação. “Ou seja, somente após avaliação do quadro, o médico orientará sobre quais os cuidados e tratamentos necessários, conforme a análise do paciente”, descreve o órgão, em nota a imprensa.

A Unidade de Vigilância Zoonoses informa que o trabalho de combate às arboviroses é realizado durante o ano inteiro, com a orientação da população sobre a necessidade de atenção e cuidado para evitar os criadouros dos mosquitos Aedes aegypti, transmissor das doenças. No período de verão, as ações são intensificadas, incluindo as investigações epidemiológicas, buscas ativas de sintomáticos e eliminação dos criadouros.

PMJ

PMJ


Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/jundiai-tem-68-casos-suspeitos-de-dengue-apenas-em-janeiro/
Desenvolvido por CIJUN