Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Licitação calcula mais 15km de ciclovias na cidade

KÁTIA APPOLINÁRIO | 28/01/2020 | 05:00

No segundo semestre deste ano, a cidade ganhará novos 15 quilômetros de ciclovias, ou seja, espaço destinado especificamente para a circulação de pessoas utilizando bicicletas. Hoje Jundiaí possui oito quilômetros de ciclovias distribuídas pelos bairros, sendo 4,2 km na avenida Antonio Pincinato (Parque Eloy Chaves); 1,8 km na avenida Caetano Gornati (Engordadouro); 0,3 km no viaduto do Córrego das Valquírias; 0,3 km na avenida do Córrego das Valquírias; 0,6 km nos viadutos da avenida 9 de Julho; e 0,8 km na própria avenida 9 de Julho de acordo com a Unidade de Gestão de Planejamento Urbano e Meio Ambiente (UGPUMA).

Para àqueles que tentam escapar do transporte público ou mesmo do trânsito, a bicicleta é uma opção e por isso as ciclovias são necessárias. Este é o caso do atendente Lucas Ferreira, de 21 anos. “A ciclovia liga a minha casa ao meu trabalho. Dou preferência à bicicleta porque no meu caso é mais rápido. De carro eu teria que fazer um retorno imenso”, explica Lucas, que mora no Eloy Chaves.

Contudo, mesmo com os trechos disponíveis, ciclistas afirmam que a cidade ainda carece de infraestrutura. O comerciante Edson de Assis, de 56 anos, pedala desde os 41 anos e, para ele, o maior problema é a falta de sinalização. “Não há problema nenhum em compartilharmos a faixa com pedestres, mas não temos uma sinalização adequada, então você vê cavalo na ciclovia, pessoas andando na contramão e até mesmo carros estacionados nas entradas, e isso acaba sendo prejudicial”, afirma, valendo-se que a falta de continuidade entre os trechos também é um problema. “A ciclovia começa e termina do nada. Para nós seria importante interligar as ciclovias dos parques da cidade”, completa.

Para o ciclista Artur Henrique Fernandes Silva, de 46 anos, o trânsito é um agravante nas regiões em que não há ciclovias. “É complicado lidar com carros, motos, pedestres e ciclistas. Há muita falta de respeito por todos os lados”, ressalta o empresário que vê o aumento de ciclovias ou mesmo a instalação de ciclofaixas (diferenciam-se das ciclovias por não terem separação física em relação à via de tráfego geral) como uma solução para este problema.

MELHORIAS
Além dos trechos existentes, outros 50 quilômetros de projetos de ciclovias e ciclofaixas em diversos estágios de detalhamento. Mesmo sem as ciclofaixas implementadas, a Unidade de Gestão de Planejamento Urbano e Meio Ambiente (UGPUMA) afirma que no Plano Cicloviário da cidade há 174km de rede cicloviária.

Edson de Assis pede a interligação entre as ciclovias dos parques da cidade

 

Bicicleta é a principal opção para o jovem Lucas Ferreira, que evita ir ao trabalho de transporte público ou carro


Leia mais sobre |
Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/licitacao-preve-mais-15km-de-ciclovias-na-cidade/
Desenvolvido por CIJUN