Jundiaí

Manifestação silenciosa


T_manifestaçao
Crédito: Reprodução/Internet
Um grupo de ativistas, formado em sua maioria por mulheres, estará hoje, às 18h, na Camara Municipal para fazer uma ‘manifestação silenciosa’ contra a moção do vereador Douglas Medeiros (PP) que repudia a Lei federal 12.845/13, que dispõe sobre atendimento obrigatório e integral de pessoas em situação de violência sexual. De acordo com o vereador, "a vida humana deve ser respeitada e protegida de maneira absoluta a partir do momento da concepção". Ele defende que o uso da pílula do dia seguinte se configura como um aborto e como um "ato contrário à vida". Uma das integrantes do movimento, a ativista Mariana Janeiro, espera que as mulheres participem como prova de repúdio ao vereador e se vistam de preto durante o ato. “Temos que ajudar umas as outras e fazer barulho e pressão para que os homens não regulem mais nossos corpos’, diz Mariana em seu convite.T_manifestaçao

Notícias relevantes: