Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Máscaras de TNT permitem mais conforto respiratório

Nádia Antunes | 09/07/2020 | 05:00

Uma pesquisa recente feita pelo Instituto de Física e pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP) aponta que as máscaras que possuem um equilíbrio maior entre proteção eficaz contra o vírus e não afetam a respiração são as máscaras feitas com TNT. Por conta desta proteção, elas têm se destacado nas lojas e farmácias especializadas em produtos hospitalares.

O TNT (tecido não tecido) não precisa de tear para ser elaborado. No mercado elas variam de acordo com o preparo da máscara, mas é possível encontrá-las a partir de R$ 1,90. Fernanda Cristina Souza, de 37 anos, além de ser comerciante, também confecciona as máscaras de TNT. “A nossa máscara é dupla, ou seja, ela tem duas camadas e gramatura 80. Na confecção dela eu conto com a ajuda de costureiras para fazer o acabamento, isso de certa forma reforça a estrutura da máscara. Em relação ao preço, a unidade sai a R$1,90, mas sempre a vendemos em kits.”

Ela acredita que o TNT é uma opção para quem não acostumou com a de algodão. “As pessoa sentem desconforto na respiração, colocam a mão no rosto, então as máscaras de TNT podem ser uma forma de adaptação para essas pessoas fazendo com que elas se sintam mais confortáveis e fique seguras em relação ao vírus”, diz Fernanda.

Segundo a vendedora de uma loja de materiais hospitalares, Elaine Cristina Maranha Rodrigues, de 45 anos, a procura pelas máscaras de TNT está sendo gradual, mas diz que já percebeu a este aumento na procura. “Acredito que as pessoas vêm moldando o uso da máscara conforme a sua necessidade. A máscara de TNT é muito procurada por quem pratica exercícios físicos e esportes, pois respirar com ela é mais fácil, pelo fato de ser mais leve, diferente das máscaras de algodão. Muitas pessoas sentem maior dificuldade em respirar usando elas”, comenta Elaine.

Apesar de ser eficaz na proteção contra o vírus, Elaine completa dizendo que estas máscaras de TNT são relativamente mais frágeis se comparadas com as de algodão. “A máscara tem um tecido menos resistente a lavagens, o que inclusive pode danificá-la e assim sua eficácia na proteção contra o vírus pode ser afetada, por isso ela precisa ser descartável, ou seja, não dá para chegar em casa e lavá-la como as de algodão. O certo é jogar fora e usar uma nova quando precisar sair novamente”,completa ela.

A pesquisa aponta ainda que as máscaras ‘convencionais’ de algodão indicam uma capacidade de filtragem mais baixa, e no quesito poder usá-la e manter o conforto da respiração, elas deixam a desejar.

 

Fernanda Cristina de Souza decidiu confeccionar as máscaras de TNT


Leia mais sobre | | | |
Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/mascaras-de-tnt-permitem-mais-conforto-respiratorio/
Desenvolvido por CIJUN