Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

No Funss, cursos apoiam a geração de renda para quem quer empreender

Da Redação | 14/12/2019 | 06:00

Transformar talentos em oportunidades é a vocação do Fundo Social de Solidariedade de Jundiaí (Funss), desde 2017. Iniciativa que modificou a vida do engenheiro elétrico, Wilians Poiatti, e da esposa dele, Ana Elidia Poiatti. O casal ficou desempregado, praticamente, no mesmo período, em 2014, e de lá para cá, se viraram como puderam: “Fizemos um pouco de tudo. Comecei a fazer trufas e outros doces para meu marido vender nas ruas e, assim, tocamos a vida por um tempo”.

Apesar da dificuldade, Wilians e Ana não desistiram e deram início a uma nova fase: a do conhecimento técnico. Ela se matriculou em diversos cursos de Gastronomia oferecidos, gratuitamente, pelo Funss. “Aprendi a trabalhar melhor com o chocolate, fiz workshops de biscoitos amanteigados, saladas e massas, além de cursos mais aprofundados, como os de Padaria e Confeitaria”, diz.

A receita de sucesso da família ganhou novos ingredientes e Wilians também garantiu uma vaga e se encantou com a cozinha: “Consegui me inscrever em um curso de Salgadeiro e, juntos, aprendemos muito”. O resultado não poderia ser mais saboroso: a abertura do próprio negócio, há quase três meses. A padaria, hoje, está localizada em uma importante via do bairro Ponte São João e atende, aproximadamente, 150 pessoas por dia. “Nosso dia começa às 5h e fechamos o nosso estabelecimento somente após às 19h”, conta o comerciante que já vislumbra a ampliação dos negócios para o próximo ano.

Todos os dias, passam pelo Fundo Social diferentes histórias de superação. “São pessoas que perderam muito, pessoas que enfrentam dificuldades por diferentes motivos, mas que são fortes, têm força de vontade e não perdem a esperança. Por isso, não medimos esforços para garantir, sempre, bons cursos e ampla variedade de modalidades para que, a cada dia, as famílias de Jundiaí se fortaleçam mais e conquistem novos objetivos”, ressalta a presidente do Funss, Vanessa Machado.

á a vida da Cristiane Rodrigues de Oliveira Gonçalves, de 38 anos, cruzou com o Fundo Social por outra razão: a economia familiar. Com o marido afastado do emprego por problemas de saúde e com o orçamento mais apertado, a dona de casa buscou o Funss para aprender e não gastar menos com compras e serviços. Depois, ela também se aventurou em dois cursos de Beleza e Estética, sendo um de Designer de Sobrancelhas e o outro de Manicure e Pedicure. Foi neste momento em que descobriu uma nova oportunidade: o empreendedorismo. A falta de capital não a amedrontou e a solução encontrada foi reservar um espaço dentro da sala da própria casa.

Os números referendam a nova fase do Fundo Social voltada para ao conhecimento e para a geração de renda e emprego. De janeiro até dezembro deste ano, foram oferecidas 10.033 vagas gratuitas em cursos de qualificação profissional, workshops e oficinas. Em 2018, o Funss disponibilizou 5.172 vagas gratuitas. Em 2017, foram ofertadas 2.106 vagas gratuitas.

“A nossa preocupação é atender ao mercado de trabalho, cada vez mais exigente, e também as demandas da população. Nos últimos anos, muitas pessoas perderam o emprego e precisaram se reinventar para dar conta de todos os compromissos financeiros”, conta Vanessa.

Das vagas disponibilizadas em 2019, 2.475 foram direcionadas para os bairros por meio do programa de descentralização. “Este era um compromisso assumido e, hoje, é uma realidade que facilita o acesso ao conhecimento, integra a comunidade e transforma a vida de quem reside em bairros afastados da região central. Mas, nada faria sentido não fosse a força de vontade destas pessoas, que saem de suas casas para aprender algo novo”, conclui Vanessa.

 


Leia mais sobre |
Da Redação
Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/no-funss-cursos-apoiam-a-geracao-de-renda-para-quem-quer-empreender/
Desenvolvido por CIJUN