Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Obra de contenção é aprovada por moradores do Jd. São Camilo

VINICIUS SCARTON | 30/01/2019 | 05:03

Mesmo com 68% de conclusão do Projeto de Urbanização do Jardim São Camilo, que envolve entre outras obras, a construção de um muro de contenção, moradores da rua Sebastião Carneiro Coutinho, conhecida como Viela do Pelé, já sentem os benefícios da melhoria nesta época de chuva.

Para o comerciante Paulo Teixeira Ramos, 31 anos, a construção do muro é positiva. “Infelizmente, diversas famílias perderam seus entes queridos em virtude de desmoronamentos no passado. Com relação aos períodos de chuvas, a contenção já ajuda bastante”, opina.

A doméstica Inês Aparecida Rocha, 54 anos, tem opinião semelhante. “A construção do muro está melhorando as condições do nosso bairro, principalmente em épocas de chuva, quando no passado, gerava muita preocupação”, diz.

Alaíde Gonzaga da Silva, 68 anos, reside nesta rua há 20 anos e também está satisfeita com o Projeto de Urbanização do bairro. “E quanto à construção do muro, creio que o mesmo proporciona mais proteção para os moradores em relação as chuvas e possíveis desmoronamentos”, afirma.

O PROJETO
De acordo com o gestor e engenheiro da obra, José Cícero Araujo Novaes, o Projeto de Urbanização do Jardim São Camilo teve início no dia 20 de junho de 2016 e a conclusão está prevista para 20 de julho deste ano. Segundo ele, além da construção do muro de contenção, o projeto envolve melhorias de ruas e infraestrutura. “Para iniciar o trabalho foram retiradas 400 famílias da localidade, sendo encaminhadas para dois condomínios residenciais no bairro (Genova e Roma), localizado na avenida Giustiniano Borin”, explica.

Cícero ressalta que duas ruas do Jardim São Camilo fazem parte deste projeto. “Neste caso está sendo realizado o prolongamento da rua José Maria Whitaker e a construção de uma rua que interligará com a rua Pedro Ravanhani e avenida Angêlo Rivelli, no Jardim da Fonte”, comenta. O engenheiro também explica que faltam 3 metros para concluir os dois muros de contenção na localidade. “A medida total tem abrangência de 24 metros. Provavelmente na semana que vem e com o tempo ajudando, a ideia é concluir o muro”, confirma.

Já o diretor de obras do Projeto de Urbanização, Domingos Custódio da Silva, salienta que em virtude da topografia do Jardim São Camilo, ao longo da história o bairro foi muito afetado por desmoronamentos. “Por meio deste sistema viário que está surgindo, o bairro terá melhorias de acesso através de diversos serviços, como ambulância e transporte público”, detalha. Custódio lembra que o investimento do projeto gira em torno de R$ 12 milhões, com recursos do Ministério da Cidade.

A superintendente da Fundação Municipal de Ação Social (Fumas), Solange Marques, destaca que a obra faz parte de um processo global de intervenção no núcleo, visando a sua regularização. “Por isso estamos mexendo nas áreas de risco, retiramos 400 famílias da localidade, mas a meta é retirarmos ainda mais, tendo em vista que estamos trabalhando com mais projetos habitacionais para urbanizar o restante das famílias que ainda residem no Jardim São Camilo, promovendo interligação com a cidade e mais dignidade, através da regularização fundiária. Ou seja, todo o projeto beneficiará mais de duas mil famílias”, ressalta.

Rui Carlos

Rui Carlos


Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/obra-de-contencao-e-aprovada-por-moradores-do-jd-sao-camilo/
Desenvolvido por CIJUN