Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Para moradores do Anhangabaú, jovens são os piores

| 17/06/2014 | 00:05

“Isso aqui piorou demais nos últimos meses. Ninguém mais tem sossego no bairro. Os moradores de rua não respeitam ninguém. Fazem arruaça, usam drogas, bebem. E se não conseguem entrar no SOS, dormem em frente. Não está fácil viver aqui. Os jovens são os piores”, comenta Eduardo Segre, 82 anos, que mora há 50 no Anhangabaú.  Ele não está sozinho na reclamação contra os assistidos pelo SOS.

Nas últimas semanas, foram vários os relatos de moradores para a reportagem do JJ Regional sobre festas promovidas pelos assistidos da entidade na praça Décio de Campos Bicudo, pouco acima do prédio do SOS. “Além da sujeira, eles deixam espalhados roupas sujas, colchões, tubetes de drogas e até seringas”, conta outro morador, que preferiu não se identificar.

A vizinhança apontam, ainda, a mudança de perfil dos atendidos pelo SOS. Em anos anteriores, a população era conhecida e mais tranquila. “Agora, são jovens vândalos que não respeitam ninguém”, comenta uma mulher que trabalha no bairro.

A esperança daquela população está na promessa de mudança de endereço da instituição. “A prefeitura tem prazo até este mês para resolver nossa situação. Vamos esperar para ver se realmente isso vai acontecer”, desabafa Segre.


Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/para-moradores-do-anhangabau-jovens-sao-os-piores/
Desenvolvido por CIJUN