Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Para nova fase, 8 mil farão exame de identificação do vírus

Da Redação | 25/06/2020 | 08:00

Após testar 17.201 munícipes, Jundiaí se prepara para as próximas medidas de detecção do coronavírus. Devido à chegada das frentes frias e a circulação de outros vírus causadores de gripe, agora os servidores de saúde passarão a utilizar o exame RT-PCR com os infectados em potencial, que tem a função de identificar o vírus ativo no organismo.

De acordo com o Comitê de Enfrentamento ao Coronavírus (CEC), nos próximos três meses a expectativa é de que 8 mil exames sejam realizados. O objetivo é que, a partir da identificação rápida dos casos nos atendimentos nas Unidades Sentinelas (USs) e Pronto-Atendimentos (PAs), seja realizado um telemonitoramento dos casos considerados com potencial para desenvolver a forma grave da doença. Além disso, com esse monitoramento, o diagnóstico e a intervenção médica poderão ser realizados com maior agilidade.

O município também recebeu outros seis mil testes rápidos do Ministério da Saúde que serão aplicados somente para aqueles que não estiverem na janela epidemiologia do RT-PCR.

No entanto, para que o procedimento seja efetivo, o exame deve ser realizado entre o terceiro e o sétimo dia de sintomas como febre acrescida de tosse ou coriza ou dor de garganta ou dificuldade para respirar. Os exames serão realizados nas Sentinelas e nos pronto-atendimentos do município.

Os agendamentos de exame deverão ser realizados pelos serviços de saúde.

TESTAGEM

Jundiaí encerrou o período de testagem municipal com uma taxa de 2,1% de resultados positivos. Iniciado em abril, a testagem rápida da população para a identificação dos anticorpos gerados contra o vírus monitorou o avanço em território.

Dos 20 mil testes rápidos iniciais disponibilizados, 10 mil adquiridos e 10 mil encaminhados pelo Ministério da Saúde, 17.201 já foram utilizados, resultando em 2.238 positivos, ou seja, 12,95% positivados, até quarta-feira (24), conforme balanço publicado no portal da Prefeitura de Jundiaí.

Ainda entre os testes rápidos, foram realizados em assintomáticos pela pesquisa residencial. Ao todo foram testadas 3.065 pessoas, com 66 positivos, ou seja, taxa de positividade de 2,1%. O estudo específico será publicado no final do mês pela Prefeitura de Jundiaí.

AÇÕES PARALELAS

A cidade atravessa o pico da pandemia, ou seja, o momento crítico do combate à doença. Por este motivo, a prática de ações preventivas se tornam ainda mais importantes neste momento. O CEC segue orientando a população a praticar o distanciamento social, bem como a utilizar máscaras e colocar em práticas as demais medidas de higienização para impedir a disseminação do vírus.


Leia mais sobre | | |
Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/para-nova-fase-8-mil-farao-exame-de-identificacao-do-virus/
Desenvolvido por CIJUN