Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Para praticar corrida, é preciso ter cuidado

COLABORAÇÃO DE GRAZIELLY COELHO | 05/05/2019 | 07:00

Por ser considerado um exercício simples e acessível, a corrida tem conquistado cada vez mais adeptos de todas as idades. A prática dessa atividade física é considerada ideal para quem deseja deixar o sedentarismo de lado e manter o corpo em forma, mas exige alguns cuidados importantes.
Segundo o treinador e preparador físico especializado em corridas, André Savazoni, 44 anos, é necessário uma análise geral e básica das condições de saúde antes de adotar a prática física. “Quem está com exames em dia e faz um controle normal está apto a começar. Exceções devem ser analisadas caso a caso e torna-se importante ter o acompanhamento de profissionais que poderão fazer essa avaliação geral”, explica.
Além de manter os exames em dia e fazer acompanhamento especializado, o profissional ainda alerta para os cuidados com a estrutura muscular e cardiorrespiratória para quem está começando a correr. “O ideal é começar com caminhadas e intercalando corrida com caminhada. Por exemplo, 1 min correndo, 1 minuto caminhando e não fazer todo dia. De 3 a 4 vezes na semana, de preferência não em dias seguidos. Aos poucos vai aumentando o tempo de corrida.”
O velocista de 18 anos, Dirceu Vieira, conta que começou a correr há quatro anos, após recomendação e influência de conhecidos. “Me identifiquei com a corrida e descobri meu talento. Hoje corro seis vezes por semana e participo de algumas corridas como amador, além de cuidar da alimentação”, conta o jovem.
De acordo com o fisioterapeuta Rodrigo Cassemiro, 41, a corrida traz diversos benefícios para o corpo. “O fato de se fazer uma atividade física já causa bem-estar natural, mas podemos citar como benefícios importantes a secreção de hormônios importantes, antiestresse, melhora a mobilidade corporal, promove homeostasia entre os sistemas imunológicos, metabólicos, cardíaco, além de promover perda de peso corporal.”
O especialista também revela que o esporte pode ser praticado por qualquer pessoa, mas faz um alerta para os cuidados que devem ser tomados antes da prática e os prejuízos de iniciar a atividade sem acompanhamento médico.
“O principal risco, sem dúvidas, são as lesões. Segundo últimos estudos, a corrida está em primeiro lugar como o esporte que mais lesiona. O principal preparo é, sem dúvida, um bom aquecimento, principalmente das articulações e músculos envolvidos. É preciso ter musculatura bem treinada e os glúteos e tênis adequados”, explica.
Cassemiro aconselha aos adeptos do esporte que não é recomendado correr todos os dias. “Um atleta normalmente treina todos os dias, mesmo assim nem sempre os treinos envolvem a corrida. A mescla de atividades é benéfica para o corpo e evita sobrecarregá-lo”.
Rodrigo também ressalta a importância das práticas esportivas para a saúde mental. “Atividades físicas de um modo geral causam melhora na saúde mental e consequentemente também contribuem para melhora do sono. Não há nada melhor para o estresse como praticar exercícios.”

T_corrida_dirceu1


Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/para-praticar-corrida-e-preciso-ter-cuidado/
Desenvolvido por CIJUN