Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Para proteger a Serra do Japi, GM propõe força-tarefa com sociedade

| 16/10/2014 | 20:40

Para proteger o coração da Serra do Japi, a Guarda Municipal pretende montar uma força-tarefa com empresas e moradores – todos envolvidos em evitar, detectar e até apagar possíveis queimadas. Em outubro foram registrados 28 focos de incêndio na área de gestão da Serra, quase três vezes mais do que no ano passado. “Nosso objetivo é inserir a sociedade nessa preocupação”, afirma o comandante, José Roberto Ferraz.

Por ora, embora mais de um milhão de m² de matagais tenham sido consumidos, a reserva biológica se mantém intacta. A Guarda Municipal ainda não teme a vinda do fogo instaurado em Cabreúva desde quarta-feira, que conta com labaredas de mais de 10 metros de altura.

A GM e a Defesa Civil de Jundiaí sobrevoaram na tarde desta quinta-feira (16) a área em chamas para se certificar de que é seguro. Mesmo assim, relatórios estão sendo entregues a cada uma hora com a situação não só do local, como de toda o território de gestão da Serra.

De acordo com Ferraz, o entrosamento com a sociedade será discutido hoje. “Muitas empresas têm, por exemplo, brigadas de incêndio e caminhões-pipa que podem servir de apoio em casos de necessidade. Precisamos também contatar os proprietários de terras no entorno da Serra. Com o apoio de todos, poderemos mantê-la segura”, diz.

A própria GM também precisou reforçar sua equipe com mais cinco guardas por turno. Hoje são 37 GMs em patrulhamento a cada 12 horas, com três jipes, três viaturas menores e uma caminhonete. Só os jipes andam pelo menos 100 km por turno dentro da Serra do Japi.

Mato seco – Uma preocupação constante para Ferraz é o quão seca a vegetação da Serra do Japi está. “Se pegar fogo dentro da reserva biológica em poucos instantes se espalha por completo, porque a mata é muito fechada e está muito seco.” Ele condena o descuido da população, que causa incêndios mesmo que acidentalmente. “Jogar uma bituca de cigarro em um mato seco pode causar incêndio.”

Mais informações na edição impressa do Jornal de Jundiaí desta sexta-feira (17) ou faça uma assinatura digital.


Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/para-proteger-a-serra-do-japi-gm-propoe-forca-tarefa-com-sociedade/

Os comentários estão desativados.

Desenvolvido por CIJUN