Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Parceria diz que ainda não recuperou o investimento

Thiago Batista | 10/11/2019 | 08:30

Thiago Fernando é o presidente da CT Fut Talentos, empresa que tem contrato de parceria com o Paulista no futebol profissional e nas categorias de base. A união entre ambos foi importante no acesso para Série A3 do Paulistão e no título da ‘Bezinha’. Em entrevista, ele alerta que o investimento feito para montagem de uma equipe vencedora ainda não foi 100% recuperado.

“A Fut Talentos, junto com seus parceiros, precisa de investimentos e gastamos mais do que entrou. Tivemos um investimento de 60% a mais do que obtivemos. Não é que sobrou. Quem investe precisa de retorno. A Copa São Paulo será uma grande oportunidade (para obter o retorno)”, disse.

A parceria entre as duas partes têm chances de ser renovada por mais um ano – anúncio deve ocorrer até o final do mês. Segundo apuração do Jornal de Jundiaí, uma cláusula do contrato prevê renovação automática por parte da empresa. E a atuação na montagem da equipe terá que ser diferente do que ocorreu na 4ª divisão estadual – tudo foi feito em cima da hora.

“Estamos crescendo e nesta fase tem que ter mudanças. A A3 é difícil. Consultei alguns clubes e me disseram que temos que estar prontos na primeira rodada”, declara. “Na Terceira Divisão precisamos de resultados. O clube merece é estar na A2 é até mesmo na A1”, afirma.

Thiago diz que a relação da CT Fut Talentos com o Paulista é das melhores. “Em comum acordo vamos dar condição de montar um time competitivo e formar a base também forte”, diz..

Ele também sabe das dificuldades que os clubes da ‘Terceirona’ tem para sobreviver.

“Na A3 ninguém consegue negociar jogadores para grandes clubes. Teve um clube recente que subiu para A2 e fez a transferência um jogador para um clube grande e tomou prejuízo”, conta.

Além de presidente da Fut Talentos, Thiago acumula o cargo de treinador do sub-19/20. Mas espera logo optar por apenas um lado.

“Ainda não consigo achar uma comissão que possa dar sustentação de campo para formar atletas e também na gestão e infelizmente eu tento trabalhar nestas duas funções. Mas em breve vou optar por uma”, disse.


Leia mais sobre | | |
Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/parceria-diz-que-ainda-nao-recuperou-o-investimento/
Desenvolvido por CIJUN