Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Partidos começam a sondar candidatos para eleições 2020

Angelo Augusto | 21/09/2019 | 05:00

A pouco mais de um ano para as eleições municipais, Jundiaí já mostra sinais de preparação por parte dos candidatos e dos partidos que pretendem concorrer ao Executivo e ao Legislativo no próximo ano. Algumas siglas deixarão de existir, como no caso do PSH, que se unirá ao Podemos. Já outros, como o DEM, procuram se movimentar para formar uma chapa forte em 2020.

A primeira manobra realmente relevante para o cenário do município foi a saída do vice-prefeito Dr. Pacheco do PL. A desfiliação foi solicitada por ele mesmo, que afirmou que ficará sem partido durante um tempo, mas negou ter rompido com a prefeitura.

Na corrida pelo Executivo, nenhum nome despontou ainda como um possível concorrente à reeleição de Luiz Fernando Machado (PSDB). Mas partidos como o Novo, que está com inscrições abertas para quem quiser se filiar, devem entrar na disputa. “Temos sido procurados por algumas pessoas interessadas, até por políticos mais experientes, mas nada se concretizou até agora. Dois deles estão em uma fase mais avançada do processo, ambos para concorrer ao Executivo”, afirma Marcello Giacaglia, um dos membros da liderança do Novo Jundiaí.

Já em relação ao Legislativo, a questão é muito mais abrangente. Os 19 vereadores de Jundiaí estão divididos em 14 partidos diferentes, mas as novas regras do fundo eleitoral devem diminuir o número de siglas na Câmara a partir do período administrativo que se inicia em 2021.

Gustavo Martinelli diz estar insatisfeito com a situação do PSDB, e pode trocar de sigla. “Motivos para a minha saída não faltam. É triste, por exemplo, ver a escolha da Executiva do PSDB de manter o Aécio Neves como membro do partido. Repudio essa atitude da velha política que continua desrespeitando a opinião pública brasileira. Mas ainda não tenho nenhum partido em mente”, comenta.

Rogério Silva é um dos que está sendo cotado por diversos partidos, e deve optar pelo DEM para tentar mais um mandato como vereador. “Estamos conversando com outros, mas as chances de eu optar pelo DEM são grandes”, afirma. O vereador Douglas Medeiros (PP) assumiu ter sido procurado por alguns partidos, mas disse que as negociações ainda estão apenas em tom de conversa. “Várias siglas demonstraram interesse, mas a decisão será tomada mais perto da abertura da janela, cerca de seis meses antes das eleições.”

Partidos de maior expressão como PT, PSDB, PSD, PDT e PL deverão ter maior espaço no Legislativo.


Leia mais sobre | | |
Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/partidos-comecam-a-sondar-candidatos-para-eleicoes-2020/
Desenvolvido por CIJUN