Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Poda diferenciada ajuda a garantir produção durante o ano todo

NIZA SOUZA - csouza@jj.com.br | 16/03/2018 | 03:29

No sítio da Família Vendramin, no Caxambu, tem goiaba o ano inteiro. A produtora Sandra Vendramin conta que os cerca de 400 pés da fruta foram divididos em três quadras. Cada uma recebe os tratos culturais, especialmente a poda, em épocas diferentes. Isso garante a produção contínua do pomar. “Enquanto estou colhendo as frutas de um, em outro os frutos estão começando a se formar e no outro estou ensacando as frutas”, explica. O manejo diferenciado, garante a produtora, é estratégia para manter o pomar rentável durante todo o ano. “A gente também faz a poda contínua, não a drástica, daí cada árvore dá frutos várias vezes ao ano. Desta forma, fugimos do pico da safra, quando os preços costumam cair”, destaca, garantindo que consegue manter o preço estável durante o ano. Outra vantagem, diz Sandra, é que com esse manejo a produção é diluída, sem grandes volumes concentrados em determinada época, o que facilita a comercialização. “A maior parte a gente vende aqui mesmo no sítio. O restante a gente comercializa no programa Produtor na Praça, que também garante bons preços. Só quando tem algum excedente grande vendemos em São Paulo, onde os preços chegam a cair pela metade.”

Pioneiro na poda diferenciada da uva niagara, o produtor Roberto Losqui lembra que foi chamado de “louco” quando começou a experimentar a poda em fevereiro, logo após a colheita, para conseguir uma segunda safra da fruta em junho e julho. “No primeiro ano tive problemas com uma praga. Mas no ano seguinte resolvemos o problema e conseguimos sucesso”, diz, lembrando que atualmente diversos produtores de uva da cidade adotam a técnica. Losqui defende que o produtor rural precisa ter produção frequente de seus produtos, tentar sair da sazonalidade, “para garantir o produto para o comprador”. Além da uva, ele também adota a poda diferenciada com a goiaba, assim como Sandra. “O caqui também é possível produzir fora da safra. Mas ainda estou testando. É segredo”, brinca. Agrônoma da Casa da Agricultura de Jundiaí, Flávia Tirione confirma que a uva e a goiaba aceitam bem esse tipo de poda diferenciada. No entanto, ela observa que a planta pode sofrer um desgaste maior e, como consequência, enfraquecer, reduzindo a vida útil da planta. “Além disso, é preciso observar bem a nutrição da planta, para que não fique muito prejudicada, o que faria com que produzisse menos na safra normal”, alerta.


Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/poda-diferenciada-ajuda-a-garantir-producao-durante-o-ano-todo/
Desenvolvido por CIJUN