Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Polícia investiga se piloto que morreu dirigia embriagado

COLABORAÇÃO DE FELIPE CARDOSO | 18/04/2019 | 05:00

A Polícia Civil vai investigar o acidente que matou o piloto jundiaiense de Stock Car, de 23 anos, Vinícius Margiota, que morreu na madrugada da última quarta-feira (17) em um acidente de carro. O jovem colidiu seu carro de frente com um caminhão ao entrar na contramão da alça de acesso da rodovia Anhanguera, em Jundiaí (SP).

Segundo informações do 4° Batalhão de Polícia Rodoviária, que realizou o atendimento no local, o acidente ocorreu por volta das 3h30 no quilômetro 61 da rodovia que dá acesso para a Dom Gabriel Paulino Bueno Couto, onde o condutor do carro seguia em alta velocidade pela contramão da via quando bateu de frente com a carreta e morreu no local antes mesmo do socorro chegar.
De acordo com informações do Boletim de Ocorrência, uma garrafa de vodca e um objeto usado para triturar e moer fumo foram encontrados no carro do piloto, além de frascos de remédio.

O corpo foi submetido a exames toxicológico (consumo de drogas) e de alcoolemia (nível de álcool no sangue) e os resultados devem ficar prontos em um prazo de 30 dias.

Vinícius era piloto de Stock Car na categoria Stock Light e disputava corridas em diversos estados do Brasil e também em outros países.
Segundo Taise Bittencourt, uma amiga muito próxima de Vinícius e sua família, o piloto voltava de uma festa em São Paulo, e que os objetos encontrados pelo polícia em seu carro seriam dos amigos. “Ele nunca bebia. Estava de carro em uma festa com os amigos justamente por não beber e poder dirigir na estrada de volta pra Jundiaí”, afirma a amiga.

“O Vinícius deixou os amigos em suas respectivas casas em São Paulo e voltou sem nenhum problemas no caminho. Não dá pra entender o que aconteceu e nem explicar a dor que eu e a família estamos sentindo neste momento tão difícil”, diz.
De acordo com Taíse, Vinícius era um sonhador e extremamente focado em sua carreira. “Ele tinha o sonho de crescer na Stock Car e ser um grande piloto. Era muito focado nos treinos e nos cuidados com seu corpo. Não consumia álcool nem drogas”.
O velório começou às 20h da noite de ontem (17) no cemitério Parque dos Ipês e será realizado até as 17h desta quinta-feira (18), quando o corpo será enterrado no mesmo local.

Carreira
A organização da Stock Car, em nota, lamentou a morte do jovem piloto e destacou que Vinícius era “considerado uma pessoa alegre e incentivadora dos demais colegas de pista”. Na próxima etapa da Stock Car no circuito do Vello Città, dia 5 de maio, será realizado um minuto de silêncio em homenagem ao jundiaiense.

Além da Stock Light, Vinicius Margiota também teve sucesso atuando na categoria Sprint Race, onde foi campeão em 2016.
Em 2017 e 2018, o jundiaiense participou da categoria Light da Stock Car e neste último ano defendeu as equipes KTF Sports e AN09 Team, conquistando a 13ª colocação e conseguindo um lugar no pódio em duas oportunidades.

T_vinicius


Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/policia-investiga-se-piloto-que-morreu-dirigia-embriagado/
Desenvolvido por CIJUN