Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Policial jundiaiense busca vaga para o mundial de triathlon

FELIPE CARDOSO | 21/04/2019 | 05:00

O triatleta off road, Daniel Pierre, de Jundiaí, é um dos nomes de maior destaque no cenário nacional e internacional em provas de crosstriathlon (triathlon off road), esporte que combina as modalidades natação, corrida e ciclismo em montanhas, em vez do tradicional.
Na última edição do XTERRA Argentina, realizado nos dias 23 e 24 de março na cidade de San Juan, o jundiaiense conquistou a 10ª posição entre 33 competidores na categoria de 40 a 44 anos. “Sem dúvidas essa foi uma das competições mais importantes para mim, pois os estrangeiros são muito bons e consegui esse resultado no meu último ano da categoria, já que estou com 44 anos”, afirmou.
O próximo objetivo de Daniel é a prova mais importante do ano, a 15ª etapa do XTERRA Brazil, que será disputado em Ilhabela, litoral norte de São Paulo, nos próximos dias 11 e 12 de maio e o triatleta participará do triathlon (1,5km natação + 24,5km ciclismo + 8,5km corrida). “É a etapa mais importante, pois reúne os melhores atletas do país, do exterior e vale vaga para o XTERRA World Championship, campeonato mundial na cidade de Maui, no Havaí, em outubro deste ano”, explicou.
Provas do circuito nacional acontecem uma vez por mês em diversos lugares do Brasil inteiro, mas só a de Ilhabela que dá a classificação para o mundial. “Ainda terão etapas em lugares como Bahia, Petrópolis, Búzios. Graças ao esporte tive a oportunidade de conhecer muitas pessoas e lugares inóspitos. Hoje posso dizer que tenho amigos pelo Brasil inteiro.”
O jundiaiense começou no triathlon off road em 2015 e em três anos já havia vencido o circuito nacional duas vezes, inclusive conquistando a vaga para o mundial no Havaí. “Com o apoio e assessoria do meu coach André Pizzinato, fui campeão em 2016, 2018 e vice-campeão em 2017. Em 2016 consegui a vaga para o mundial, porém, por falta de recursos e patrocinadores, infelizmente não consegui viajar para a prova, mas desde então estou me preparando para quando eu conquistar essa oportunidade novamente.”, disse.
A rotina de um triatleta não é nada fácil e Daniel ainda tem que conciliar os treinamentos diários com a profissão. “Sou policial civil e o regime especial de trabalho é estar em prontidão 24 horas por dia caso necessite, então procuro treinar todos os dias às 6 horas da manhã”, destacou o jundiaiense.
Como se já não bastasse a vida de atleta e polícia, Daniel ainda cursa faculdade de educação física. “Penso no meu futuro. Quando aposentar, quero continuar no esporte ajudando pessoas com a experiência que venho adquirindo em todos esses anos de triatleta”, finalizou.

Daniel Pierre


Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/policial-jundiaiense-busca-vaga-para-o-mundial-de-triathlon/
Desenvolvido por CIJUN