Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Preço do combustível volta a subir em Jundiaí

COLABORAÇÃO DE FELIPE CARDOSO | 19/03/2019 | 05:01

Mais uma vez, os jundiaienses vão sentir no bolso as alterações no preço do combustível nos postos de gasolina da cidade.
O etanol, que chegou a custar R$ 2,69 no mês de fevereiro, é encontrado a R$ 2,99 atualmente. Já a gasolina que estava R$ 3,97 há um mês atrás, hoje chega a R$ 4,19 em alguns postos.
Fernanda Karina Lúcio, secretaria de um posto de gasolina no bairro Vila Marlene, explica o motivo do aumento na cidade. “Quando existe alguma dificuldade e a produção não está em alta, devido ao clima e época do ano, o fornecedor do combustível é obrigado a subir o preço. No dia 15 de fevereiro nós pagávamos R$ 3,57 na gasolina direto da distribuidora e hoje pagamos R$ 3,79”, relata. O repasse desse aumento ao consumidor foi feito de forma gradativa, segundo Fernanda. “De um mês pra cá tivemos que subir o preço aos poucos. Era dois centavos a mais em um dia, cinco centavos no outro, até chegar nos R$ 2,99 pro etanol e R$ 4,19 pra gasolina. Porém, quando ocorre um aumento repentino na distribuidora, temos que fazer o mesmo”, destaca.
Segundo o presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo de Campinas (Recap), Flávio Campos, os preços tendem a baixar no próximo mês. “A tendência é que daqui 30 dias os valores comecem a diminuir pois o mês de abril é uma boa época para a produção de combustível. E com esse provável aumento na produção, os preços devem ficar melhores para os consumidores”, afirma.
Para quem depende do combustível para trabalhar, já é possível sentir a diferença no bolso. Esse é o caso de Vinicius Barbosa, motorista de um aplicativo de transporte. “Eu enchia o tanque do meu carro no mínimo três vezes na semana quando o etanol estava R$2,69, mas agora com esse preço fica complicado seguir essa rotina”, explica.
Para manter o mesmo ritmo de trabalho, Barbosa procura se informar sobre os postos com menores preços. “Achei alguns postos de bandeira com o etanol a R$2,73 e a gasolina a R$ 3,84, no bairro Jardim Pitangueiras II”, relata. Porém, esses estabelecimentos estão repassando o reajuste aos poucos e os valores mudam a cada dia. “Hoje gastei apenas R$ 105 de combustível e provavelmente amanhã eu já precise abastecer novamente”, explica o motorista.

AUMENTO DO PRECO DOS COMBUSTIVEIS


Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/preco-do-combustivel-volta-a-subir-em-jundiai/
Desenvolvido por CIJUN