Jundiaí

Primeiro round da batalha final será neste sábado em Marília


TREINO DO PAULISTA EDSON FIO TECNICO
Crédito: Reprodução/Internet
Paulista e Marília começam neste sábado (26), às 19h30, no estádio Bento de Abreu Sampaio Vidal a luta pelo título da Segunda Divisão Estadual. Uma decisão com cara de final de divisões mais importantes, como as Séries A1 e A2. Clubes que na década passada estiveram na Série B do Brasileiro, mas passaram pelo inferno da ‘Bezinha’ neste ano. O principal objetivo ambos já conquistaram: o acesso à Série A3. Mas uma final entre dois clubes com tanta história, não dá para passar em branco. “Nunca estamos relaxados. O treinador não pode ficar, pois temos um jogo importante e temos de ir concentrados para trazer a vitória”, comenta o técnico Edison Fio. “A gente vai jogar sem a responsabilidade do acesso, mas agora pelo título”, dispara o goleiro Matheus Lopes. Nos números, os finalistas são os melhores times da competição. Ambos somente perderam três vezes. O aproveitamento dos dois está acima dos 60%. E deve ser um confronto ofensivo. Nos últimos 16 jogos entre eles, nada de 0 a 0. A história mostra média de 2,2 gols por partida - em jogos oficiais. “Será uma partida estudada. Não na loucura que é este campeonato. São dois times que jogam e marcam na linha média do campo. Se for jogo ofensivo, eu apareço bastante, mas não é tão favorável, pois qualquer hora pode sofrer um gol”, lembra o goleiro do Galo. “Marília é um time bem qualificado, e cascudo. Vamos com pé no chão para trazer os três pontos”, declara Fio. Para o primeiro confronto, o técnico Edison Fio não terá o meio-campista Pedro Demarchi, suspenso. O meia Matheus Morais, com dores no tornozelo, está fora. As novidades devem ser Kawan e Carlinhos. O zagueiro João Paulo sentiu dores musculares, mas viajou para Marília. No MAC, o técnico Ricardo Costa não terá o volante Matheus Chiclete e o atacante Breno, suspensos. Novidades na escalação devem ser Mateus Mima na lateral e Lucas Souza no meio-campo. O Paulista deve começar a partida com Matheus Lopes; Victor Emerson, Joaquim, João Paulo e Yan; Kawan e Gabriel Terra; Nenê, Carlinhos e Jeferson; Edinan. O Marília, deve atuar com Geílson; Mateus Mima, Gutierrez, Guilherme Café e Lucas Praxedes; Hebert, Mykaell e Ícaro; Erik Bessa, Lucas Souza e Lucas Lima. Leandro Bizzio Marinho apita o jogo em Marília.

Notícias relevantes: