Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Programa SUS com VC reduz em 42,5% ações judiciais em Jundiaí

COLABORAÇÃO DE MARIANA CHECONI | 08/03/2019 | 05:00

Com a implantação do Programa SUS COM VC, em julho de 2017, Jundiaí apresentou uma redução de 42,5% nas ações judiciais para entrega de medicamentos somente em 2018.
Segundo o gestor de Promoção da Saúde, Tiago Texera, os números são um grande avanço para a saúde do município. “Esse programa oferece ao paciente o acesso a mais de 600 medicamentos padronizados pelo SUS. Além disso, garante o atendimento da sua necessidade de saúde, sem que precise entrar com uma ação judicial”, afirma.
Os dados mostram que 70% das ações judiciais requeridas em Jundiaí vêm dos convênios médicos e apenas 30% do sistema público de saúde. Isso ocorre porque, muitas vezes, os médicos dos convênios não sabem quais medicamentos estão disponíveis na lista do SUS e acabam receitando um outro tipo que tenha a mesma função.

ECONOMIA
Diariamente são atendidas, em média, 40 pessoas no programa, que estão em busca de informações sobre o acesso a medicamentos, procedimentos e insumos prescritos para tratamentos médicos. Tiago afirma que em 2018 foram gastos R$ 10 milhões para atender 400 mil pacientes. “Com os remédios padronizados, o SUS consegue atender mais pacientes gastando menos. Se não houvesse esse padrão, daria uma média de R$ 13 milhões para apenas 4 mil pacientes”, diz.
Antes de consultar a disponibilidade do SUS COM VC, o paciente deve se informar se o medicamento que procura não está disponível na prefeitura ou no Estado.
Qualquer pessoa que resida em Jundiaí tem acesso ao programa e pode consultar a lista de medicamentos pelo site ou aplicativo da prefeitura ou indo até o local de atendimento, que fica na rua Marechal Deodoro da Fonseca, 836, Centro – andar térreo, de segunda a sexta-feira, das 8h às 11h e das 13h às 16h.

TIAGO TEXERA  GESTOR DE SAUDE DE JUNDIAI


Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/programa-sus-com-vc-reduz-em-425-acoes-judiciais-em-jundiai/
Desenvolvido por CIJUN