Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Projeto transforma vida de jovens

ANGELO AUGUSTO | 13/06/2019 | 05:00

Realizado em Jundiaí desde 2007, o programa “PEC Capacitando” facilita a inserção de jovens no mercado de trabalho. Por meio de oficinas, cursos, palestras e inclusão digital, o PEC foca em instruir jovens de 14 a 17 anos. O programa faz parte do projeto “Jovem para o Futuro”, que visa o auxílio de adolescentes em situação de vulnerabilidade social e financeira ao mercado formal de trabalho.

Daniel Aparecido Domiciano tem 25 anos e realizou o curso em 2009. Ele conta que o aprendizado mudou sua vida e que sente até hoje os efeitos das lições recebidas. “O programa me ajudou muito. Sou muito feliz por ter feito o curso. Eu comecei a pensar mais no meu futuro, no que eu queria como pessoa. Durante o curso percebi”, conta.

Hoje aluno do 6º semestre do curso de Psicologia da faculdade Anhanguera, Daniel fala que os conteúdos aprendidos no programa o ajudaram tanto a conseguir como a se manter no seu primeiro emprego. “Ao concluir o curso eu fui em busca do primeiro emprego. Trabalhei numa empresa multinacional. E coisas que aprendi no PEC pude colocar em prática, tanto na hora da entrevista, quanto para realizar os serviços”.

Cássia Carpi, diretora do Departamento de Proteção Social Básica da UGADS (Unidade de Gestão de Assistência e Desenvolvimento Social) conta que os jovens que participam do programa são indicados pela CRAS (Centro de Referência de Assistência Social). “Muitos deles têm o sonho de estudar e de ter um emprego formal, mas não possuem bom referencial na família nem na escola que frequentam”. Cássia também fala sobre o apoio que a UGADS dá a esses jovens. “Fornecemos funcionários para trabalhar aos sábados e, como as famílias apresentam alta vulnerabilidade financeira, ajudamos com vale-transporte e lanche para os alunos”.

O curso faz parte de uma parceria da Faculdade Anhanguera com a UGADS e é ministrado por alunos de Psicologia aos sábados de manhã, juntamente com a supervisão de um docente. As aulas são presenciais, contabilizando 32 horas e abordam conteúdos comportamentais (como auxílio em entrevistas), de informática, orientação sexual e prevenção às drogas. Por ano, cerca de 200 alunos concluem o curso.


Leia mais sobre |
Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/projeto-transforma-vida-de-jovens/
Desenvolvido por CIJUN