Jundiaí

Quinta morte por coronavírus é confirmada em Jundiaí


Foi confirmada a quinta morte por coronavírus em Jundiaí nesta sexta-feira (17). A vítima foi um homem, de 86 anos que tinha doença cardiovascular, e que veio a falecer na quinta-feira (16) no Hospital São Vicente de Paulo (HSV). Assim, a cidade contabiliza 57 casos positivos, entre os quais 34 estão se recuperando em casa, 15 estão internados em Jundiaí e três estão internados em cidades vizinhas. Há ainda outros 180 casos suspeitos. Dentre esses 132 aguardam o resultado dos exames em isolamento domiciliar, 30 estão internadas e 18 óbitos estão sendo investigadas. O Prefeito Luiz Fernando Machado decretou estado de Calamidade Pública para a cidade, (decreto 28.926, 24 de março de 2020) na Imprensa Oficial do Município, ampliando a restrição de fluxos, suspendendo cobranças e determinando a suspensão de atividades de setores não essenciais, com o objetivo de reduzir a disseminação do vírus entre a população. PREVENÇÃO Desde o início dos alertas da Organização Mundial de Saúde (OMS), a Prefeitura de Jundiaí desenvolve o Plano de Ação contra o Novo Coronavírus, com treinamento dos profissionais – tanto do setor público quanto privado -, orientação ao público por canais de comunicação, bem como a atuação em vigilância preventiva nos equipamentos de Saúde, públicos e particulares. Todas as medidas tomadas pelo município seguem os protocolos do Ministério da Saúde. A Prefeitura de Jundiaí também disponibiliza em seu site oficial o Boletim Epidemiológico – Novo Coronavírus com informações atualizadas sobre a situação da cidade.   CIDADES DA REGIÃO Com dois casos confirmados e nenhuma morte registrada, a cidade de Várzea Paulista optou por seguir o decreto do Governo Estadual e continuará com o isolamento social até o dia 10 de maio. A cidade conta ainda com 19 casos suspeitos e 13 descartados. Em Campo Limpo Paulista há cinco casos confirmados,mas nenhuma morte. Há ainda 12 casos suspeitos e quatro oficialmente descartados. Itupeva possui três casos confirmados e uma morte sob investigação. Fora o óbito em análise, há ainda outros três casos aguardando o resultado de exames, o que contabiliza um total de quatro casos suspeitos. Outros cinco descartados. Jarinu ainda não possui casos ou mortes confirmadas. Contudo, há nove casos suspeitos, dentre os quais dos são óbitos em investigação. Além destes, 14 casos já foram descartados. Em Cabreúva um caso foi confirmado e nenhuma morte foi registrada. Outros nove casos suspeitos são investigados e 15 foram descartados. Louveira conta com dois casos positivos e nenhuma morte. Há ainda 49 casos suspeitos e 14 descartados. BRASIL O Brasil bateu novo recorde de mortes em um dia, com 217, e chegou a 2.141 óbitos em razão de infeção pelo novo coronavírus (covid-19). Já os casos confirmados nas últimas 24 horas também foram recorde, com 3.257, contabilizando o total de 33.682. O número de mortes marcou um aumento de 11% em relação a ontem, quando foram registradas 1.924 vítimas da covid-19. Já os casos confirmados representaram um crescimento de 10% sobre os dados de ontem, quando foram contabilizadas 30.425 pessoas infectadas. São Paulo concentra o maior número de falecimentos (928), quase três vezes o número do segundo colocado, o Rio de Janeiro (341). Os estados são seguidos por Pernambuco (186), Ceará (149) e Amazonas (145). Além disso, foram registradas mortes no Paraná (42), Maranhão (40), Minas Gerais (35), Bahia (36), Santa Catarina (29), Pará (26), Paraíba (26), Rio Grande do Norte (23), Rio Grande do Sul (22), Espírito Santo (25), Distrito Federal (20), Goiás (16), Amapá (10), Piauí (oito), Alagoas (sete), Sergipe (quatro), Mato Grosso do Sul (cinco), Mato Grosso (cinco), Acre (cinco), Roraima (três), Rondônia (três) e Tocantins (uma). A taxa de letalidade do país ficou em 6,4%, um décimo acima do índice registrado ontem, de 6.3%.  

Notícias relevantes: