Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Reeducandos já roçaram 12,6 mil metros lineares em Jundiaí

DA REDAÇÃO | 03/07/2019 | 19:39

Desde a assinatura do convênio entre a Prefeitura de Jundiaí, Secretaria da Administração Penitenciária e a Fundação Professor Dr. Manoel Pedro Pimentel (FUNAP), em abril, reeducandos do regime semiaberto da Penitenciária de Franco da Rocha já realizaram o corte de mato e a raspagem de guias em 12,6 mil metros lineares de área em várias vias de Jundiaí. Além do serviço de zeladoria, alguns reeducandos estão executando serviços de carpintaria, pintura e serralheria no Departamento Central de Suprimentos e Serviços.

De acordo com o gestor de Infraestrutura e Serviços Públicos, Adilson Rosa, os reeducandos estão sendo deslocados para áreas onde há grande demanda de serviços de zeladoria no município. “O início dos trabalhos foi no Distrito Industrial, onde as equipes do convênio fizeram a manutenção de uma área extensa. Esse complemento de mão de obra é muito importante porque nos permite direcionar as equipes da empresa contratada para outros pontos críticos”, comenta.

No Distrito Industrial, receberam o serviço de zeladoria as avenidas das Indústrias, Antonieta Piva Barranqueiros e Yamashita Yukio, compreendendo por volta de 6.600 metros lineares. Após a conclusão desse serviço, os reeducandos foram direcionados para a Estrada Municipal do Varjão e para o bairro Almerinda Chaves, onde seguem atuando neste momento. Nessa segunda etapa, parte da equipe fará a manutenção de vielas e pequenos reparos. Ao todo, mais 6 mil metros lineares de área receberão as melhorias.

Desde a última segunda-feira, uma outra equipe de 12 reeducandos inicia o trabalho de limpeza nas laterais da Avenida Antonio Frederico Ozanam, no sentido Várzea Paulista. “Trata-se de uma via com grande fluxo de carros e pessoas e é importante que a manutenção esteja em dia. O trabalho se estenderá até o trecho da marginal do Rio Jundiaí que pertence ao Município, melhorando as condições de visibilidade para os motoristas”, completa Adilson.


Leia mais sobre | |
Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/reeducandos-ja-rocaram-126-mil-metros-lineares-em-jundiai/
Desenvolvido por CIJUN