Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Residencial Jundiaí recebe fiscalização e mais no Pela Ordem

Angelo Augusto Santi | 09/07/2020 | 06:54

Residencial Jundiaí recebe fiscalização

O Residencial Jundiaí, um dos bairros com maior número de casos confirmados do novo coronavírus, recebeu na manhã de ontem (8) a visita de integrantes da fiscalização integrada da Prefeitura de Jundiaí, composta pela Guarda Municipal, Vigilância Sanitária e Fiscalização do Comércio. No total, foram notificados 25 estabelecimentos em situação irregular, incluindo cabeleireiros, bar, floricultura e igreja.

Conscientizar os comerciantes 

Segundo a chefe do Departamento de Fiscalização do Comércio da prefeitura, Cristina da Fonseca, o objetivo da ação de ontem (8) foi reforçar a conscientização dos comerciantes quanto à necessidade de cumprimento do decreto. “Os comércios de rua não essenciais não estão autorizados a funcionar, e encontramos diversos abertos”, disse.

PTB convida Jair Bolsonaro 

O presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson, convidou o presidente Jair Bolsonaro a retornar à legenda para disputar a reeleição na corrida presidencial de 2022. O convite ocorreu em videoconferência e foi confirmado pelo partido em seu site oficial. Bolsonaro foi filiado ao PTB entre 2003 e 2005. “Somos os defensores da família, da vida, da liberdade, da propriedade, da democracia, da justiça e da Pátria”, disse Jefferson.

“Lei das fake news ameaça jornalismo”

Em carta enviada ao Itamaraty, relatores da ONU e da OEA (Organização dos Estados Americanos) apontaram que o projeto de lei das Fake News que tramita no Congresso brasileiro pode representar uma ameaça aos jornalistas e oposição política, criando mecanismos e instrumentos legais inclusive para criminalizá-los. O documento é assinado pelo relator da ONU, David Kaye, e pelo relator da OEA, Edison Lanza.

Mello extingue ação contra Heleno

O ministro Celso de Mello, do STF, extinguiu uma notícia-crime que tramitava na Corte contra Augusto Heleno, ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI). O decano do STF, no entanto, afirmou ser “inadmissível” e de conteúdo “inacreditável e inconcebível” a nota divulgada por Heleno em maio, que dizia que a apreensão do celular de Bolsonaro “poderia ter consequências imprevisíveis para a estabilidade nacional”.

Planalto não afasta servidores 

O Palácio do Planalto informou ontem (8), em nota, que não orientou o afastamento de servidores que tiveram contato próximo com o presidente Jair Bolsonaro. O presidente anunciou na terça-feira (7) que está com covid-19. A presidência informou ainda que casos suspeitos são orientados a ficar em casa, mas que o “simples contato” com infectados não é o suficiente para o afastamento.


Leia mais sobre | | | |
Angelo Augusto Santi
Link original: https://www.jj.com.br/jundiai/residencial-jundiai-recebe-fiscalizacao-e-mais-no-pela-ordem/
Desenvolvido por CIJUN